PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Presidente da CBSk vê potencial para skate 'ser o esporte nº 2 no Brasil'

Eduardo Musa é convidado do "Bola da Vez", da ESPN - ESPN Brasil
Eduardo Musa é convidado do 'Bola da Vez', da ESPN Imagem: ESPN Brasil

Do UOL, em São Paulo

16/09/2021 16h08

Eduardo Musa, atual presidente da Confederação Brasileira de Skate (CBSk), acredita que o skate pode ser "o esporte nº 2" do País. Em entrevista ao 'Bola da Vez', Musa disse que como produto, a modalidade já é muito forte, e que tem potencial para se organizar mais no pós olimpíadas e se popularizar no Brasil.

"A gente está estruturando a Confederação cada vez mais com profissionais. Eu tenho certeza absoluta que se a gente não fizer besteira, o skate tem um potencial gigantesco para ser o segundo esporte do país", declarou ele. A entrevista completa vai ao ar no programa deste sábado (18), às 22h, na ESPN Brasil.

Musa defende que, antes de toda visibilidade olímpica, o Brasil já fabricava bons talentos no skate. O que dificultava, no entanto, era a visão estereotipada da modalidade e de seus praticantes.

"O skate até por uma questão de sempre pregar a contracultura, nunca foi organizado institucionalmente. A gente tem alguns heróis do skate institucional, e eu sempre remeto ao Ed Scander, que foi um cara que segurou administrativamente a Confederação nos tempos de muitas vacas magras. Mas era uma questão muito de tentar sobreviver, não de poder desenvolver", afirmou.

No Jogos de Tóquio, o Brasil garantiu três medalhas de prata: duas no skate street, com Rayssa Leal e Kevin Hoefler, e uma medalha no park, com Pedro Barros. Além disso, o país tem nomes como Bob Burnquist e Sandro Dias, entre os principais atletas da história do esporte.

Esporte