PUBLICIDADE
Topo

Sem Bolt, Jamaica fica fora da final olímpica dos 100m após 21 anos

Yohan Blake, finalista em 2016, ficou fora da final em Tóquio - Roger Sedres/Gallo Images/Getty Images
Yohan Blake, finalista em 2016, ficou fora da final em Tóquio Imagem: Roger Sedres/Gallo Images/Getty Images

Colaboração para o UOL

01/08/2021 08h29

Um dia depois de dominar o pódio nos 100m rasos feminino, a Jamaica vive um momento preocupante entre os homens. Após 21 anos, a final olímpica masculina da prova mais rápida do atletismo não terá um representante do país.

Neste domingo, Yohan Blake foi apenas o sexto de sua bateria, correndo para 10s29, enquanto Oblique Seville fez 10s09, terminou em quarto na sua disputa. Ambos ficam de fora da final de logo mais.

A Jamaica dominou a prova com Usain Bolt, tricampeão em Pequim 2008, Londres 2012 e na Rio 2016.

Em 2008 e 2012 foram três jamaicanos na final dos 100m, sendo que em Londres o país ainda comemorou uma dobradinha, com Blake levando a prata. No Rio, Blake acompanhou Bolt na decisão, mas terminou em quarto.

A final nas Olimpíadas de Tóquio terá dois norte-americanos, Ronnie Baker e Fred Kerley, o chinês Bingtian Su, dono do melhor tempo nas eliminatórias ao lado de Baker, o britânico Zharnel Hughes, o sul-africano Akani Simbine, o italiano Lamont Marcell Jacobs, o canadense Andre de Grasse, e o nigeriano Enock Adegoke.