PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Marcelinho Paraíba acerta com SA Betesporte para disputa da Liga Nacional de Fut7

08/12/2021 19h33


Um ano após se aposentar, o ex-meia do São Paulo, Marcelinho Paraíba, decidiu retornar aos gramados. Desta vez, o novo desafio será no Futebol de 7. Aos 46 anos, o paraibano acertou com o SA Betesporte (PE) para a disputa da fase final da Liga Nacional, que ocorrerá nos dias 18 e 19 de dezembro.

- Minha vida sempre foi feita de desafios e agora, tenho mais um novo pela frente. Me encantei pelo projeto, pelo profissionalismo e pela vontade de crescer de quem trabalha no time. Estou muito animado para estrear, ainda mais com a possibilidade de ganhar um título logo de cara. A verdade é que eu tentei me aposentar do futebol, mas a vontade de competir ainda prevalece. Nem deu tempo de curtir a aposentadoria - brincou Marcelinho.

Marcelinho e o SA Betesporte jogarão o Grupo A da fase final da Liga Nacional. O clube enfrenta as equipes do Resenha (PI) e Avaí. Dois clubes avançam na fase de grupos para a semifinal da competição, que receberá os dois times que passarem pelo Grupo B, que conta com Oeste (SP), Grêmio e Flamengo.

O time pernambucano, inclusive, vive a expectativa do primeiro título nacional em Palhoça (SC). Criada há pouco mais de quatro meses, a equipe já tem no currículo a conquista do Estadual em novembro.

- Chegar no clube com a possibilidade de conquistar o primeiro título na sua estreia, é um gás a mais para começar essa nova fase. O time está muito preparado. Não é à toa que ganhou todos os jogos até aqui. Sei que terão adversários complicados pela frente, como Resenha, Grêmio, Flamengo, que estão acostumados a chegar nas finais da modalidade. O que não irá faltar é talento e dedicação para buscar essa conquista - disse o jogador.

Durante os 27 anos como jogador profissional, Marcelinho passou por mais de 20 clubes, além da Seleção Brasileira. O jogador obteve destaque em times como, o Herta Berlim, da Alemanha, onde conquistou o prêmio de melhor jogador da Bundesliga em 2005, além de equipes do futebol brasileiro, como São Paulo, onde venceu o Paulistão em 1998 e 2000, e o Grêmio, campeão da Copa do Brasil 2001, fazendo, inclusive, um gol na final contra o Corinthians.

Futebol