PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Renato não vê favorito na final, mas garante: 'O Flamengo é sempre muito forte nesses momentos'

26/11/2021 19h09


Após comandar o último treino do Flamengo antes da final da Libertadores, o técnico Renato Gaúcho concedeu entrevista coletiva aos jornalistas nesta sexta-feira, véspera da partida contra o Palmeiras, que acontece no Estádio Centenário, às 17h (de Brasília). O treinador garantiu que a Nação pode esperar entrega, dedicação e luta no tempo que for preciso e ressaltou que o Rubro-Negro é sempre "muito forte" nas decisões.

> Ao L!, Bruno Henrique fala sobre parceria de sucesso com Gabi no Flamengo

- Pode esperar uma entrega e dedicação muito grande, uma luta no tempo que for. O Flamengo é sempre muito forte nesses momentos. Tudo que poderíamos ter feito, do presidente ao roupeiro, a gente fez. Teremos muita garra para conquistar esse objetivo.

Renato também afirmou que os planos de jogo do Flamengo para a final estão decididos. De acordo com ele, os jogadores são muito inteligentes e podem se adaptar a qualquer esquema que tenha sido treinado.

- Meu plano A, B e C estão definidos. Tenho jogadores muito inteligentes que se adaptam a qualquer esquema que eu tenha treinado. O mais importante é que treinamos todos os estilos para colocarmos em prática. Mas é óbvio que só vou falar para o nosso grupo.

> Veja e simule a tabela do Brasileirão

Ainda vale lembrar que o Flamengo realizou três treinamentos no Estádio Campeón del Siglo, do Peñarol, desde que chegou ao Uruguai. Finalizada a última atividade e a entrevista coletiva, a delegação, agora, cumpre o protocolo da Conmebol e reconhecerá o gramado do Estádio Centenário.

Veja mais declarações do técnico Renato Gaúcho:

GURPO TODO À DISPOSIÇÃO?

- O importante foi seguir o nosso planejamento para a partida contra o Palmeiras. Fizemos todo o possível para recuperar os jogadores. É lógico que eu não vou falar quem está 100%. A pergunta é valida, lógica, mas todo o grupo está à disposição hoje.

ASSIM COMO O FLAMENGO, TAMBÉM PODE SER TRI

- Sentimento de mais um sonho realizado, mais uma final de libertadores. É para poucos treinadores, tenho esse privilégio, hoje, pelo Flamengo. O mesmo que o Abel, pelo Palmeiras. Sensação de dever cumprido, estar à frente de um clube maravilhoso, torcida maravilhosa, somos profissionais e estamos preparados para a final.

O JOGO

- Sobre o futebol, espero antes de mais nada, que o Flamengo conquiste o tricampeonato. Tem uma grande equipe do outro lado, mas fizemos todo o possível para chegar pronto a nível técnico e físico. As duas equipes chegaram com méritos, teremos uma partida com muitas, muitas emoções amanhã.

POSSÍVEL ENTREGA PARA O GRÊMIO

- O meu coração está ótimo (para a final), chego bem preparado, não deveria estar falando desse assunto (possível entrega para o Grêmio). O que posso falar para alguns colegas seus que insinuaram é que não entendem nada de futebol e são escrotos.

MICHAEL

- Fico muito feliz por termos recuperado o Michael, lembro como ele estava antes e vejo como está hoje. Tem o Arrascaeta, tem o Bruno Henrique, Gabigol, tem Everton... tem muito jogador acima da média. É uma dor de cabeça que todo técnico quer ter.

POSTURA DENTRO DE CAMPO

- Não podemos ficar somente no plano A, B ou C, e isso o Flamengo tem. Vai de acordo com o que o Flamengo vai estar. Importante é que temos opções para mudança durante o jogo. Treinamos de várias maneiras. Sempre procuro colocar minha equipe para a frente.

QUEM É O FAVORITO?

- Para você ver que nem vocês se entendem. Quando um ganha, é o favorito. Quando perde, é o outro. Vão conforme o vento. Faz parte. Eu não vejo favorito, independente de tudo. São duas grandes equipes, com jogadores a nível de Seleção e os últimos campeões.

VACINADO ÀS CRÍTICAS

- Infelizmente, aqui no Brasil, só dão valor para quem ganha. Só é bom quem ganha. Cheguei no Fluminense na final da Libertadores depois de anos, perdemos, e no dia seguinte ninguém era bom. Mas já somos vacinados. Faz parte.

O FLAMENGO VAI SER CAMPEÃO?

- Se vamos conseguir (ser campeão), eu não sei, mas vamos fazer de tudo, chegamos preparados.

CONVERSA COM OS JOGADORES

- O Everton está aqui de prova, falei com eles ontem: durmo e deixo o filme passar na cabeça de vocês o quanto é bom conquistar a Libertadores. Esse filmezinho passa na minha cabeça há um mês. Digo para pensar nas coisas boas e sonhar para realizar em campo.

NÉSTOR PITANA

- Quanto ao árbitro, é um grande árbitro, de final de Copa do Mundo. Tenho acompanhado bastante. Tenho certeza que o Palmeiras também ficou satisfeito com a escolha. Isso não me preocupa, só em armar a minha equipe.

Futebol