PUBLICIDADE
Topo

Manchester United

TV: Entenda os motivos que levaram Cristiano Ronaldo optar pelo retorno ao Manchester United

Cristiano Ronaldo, durante treino da seleção portuguesa - Alex Pantling/Getty Images
Cristiano Ronaldo, durante treino da seleção portuguesa Imagem: Alex Pantling/Getty Images

27/08/2021 12h32

O Manchester United anunciou a contratação de Cristiano Ronaldo, mas nem sempre foi assim. A "ESPN" apurou os motivos que levaram o astro português a tomar a decisão de retornar ao Old Trafford após 12 anos quando suas conversas com o Manchester City pareciam encaminhadas.

A equipe de Pep Guardiola sempre teve como prioridade nesta janela de transferências a contratação do centroavante Harry Kane. No entanto, após o anúncio da permanência do artilheiro no Tottenham, o atual campeão da Premier League se voltou para Cristiano Ronaldo.

De acordo com as informações, o camisa sete da Velha Senhora estava balançado a aceitar uma proposta do Manchester City e o craque chegou a conversar com o comandante catalão por telefone. No entanto, os contatos com ex-colegas fizeram com que o português mudasse de opinião.

Segundo a reportagem, Cristiano Ronaldo conversou até a madrugada desta sexta-feira com ex-companheiros de Manchester United. Todos avisaram que o lugar que o craque havia construído na história dos Red Devils seria "danificado para sempre" caso aceitasse vestir a camisa do maior rival da cidade.

Após estar conversas, o atacante havia dito ao seu empresário, Jorge Mendes, que preferiria retornar ao Old Trafford. E as ações do agente, que estava de acordo que o retorno para o Manchester United seria a melhor opção, deixou os dirigentes dos Citizens insatisfeitos. Assim, o clube de Guardiola encerrou as negociações pelo jogador.

Manchester United