PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Em clássico morno, Grêmio derrota o Juventude com gol no início

29/10/2020 23h21

Na Arena, o Grêmio soube aproveitar a sua chance e venceu o Juventude por 1 a 0. Agora, o Tricolor joga pelo empate. Cabe ao Jaconero vencer por dois gols de diferença. Se devolver o placar, a vaga será definida nos pênaltis.

O duelo da volta entre Grêmio e Juventude acontece na próxima quinta-feira, no Alfredo Jaconi.

O jogo

No primeiro ataque que o Grêmio encaixou, a bola balançou a rede. Pepê achou Isaque, que invadiu a grande área e tocou na saída do goleiro, 1 a 0.

O que parecia ser uma vitória tranquila, ficou apenas na teoria. O Juventude se lançou ao ataque e criou duas boas chances com Dalberto e Breno Lopes. Nas duas a bola saiu pela linha de fundo.

Na reta final do primeiro tempo a dupla de velocistas do Grêmio: Pepê e Ferreira até chegaram a invadir a área, mas as finalizações não foram das melhores.

No segundo tempo o jogo ficou sem ritmo. Satisfeito, o Juventude não corria atrás do empate e o Grêmio só girava a bola na intermediária, sem nenhuma objetividade.

Na casa dos 34 minutos o lance mais inacreditável da noite aconteceu. Após chute cruzado, Breno Lopes, sozinho e dentro da pequena área, chutou por cima do gol de Vanderlei e mandou o empate nas arquibancadas.

Na chance derradeira do empate, Igor bateu a falta da intermediária e balançou a rede, mas pelo lado de fora.

GRÊMIO 1 X 0 JUVENTUDE

Local: Arena Grêmio, Porto Alegre (RS)

Data-Hora: 27/4/2020 - 21h30

Árbitro: Anderson Daronco (RS)

Auxiliares: Rafael da Silva Alves (RS) e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (SP)

VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP)

Público/renda: pagantes/R$

Cartões amarelos: Pepê (GRE), João Paulo (JUV)

Cartões vermelhos: -

Gols: Isaque (8'/1ºT)

GRÊMIO: Vanderlei; Victor Ferraz, Geromel, Kannemann e Diogo Barbosa; Lucas Silva (Everton, aos 37/2ºT), Matheus Henrique e Isaque (Jean Pyerre, aos 25/2ºT); Ferreira (Thaciano, aos 25/2ºT), Pepê e Diego Souza. Técnico: Renato Gaúcho.

JUVENTUDE: Marcelo Carné; Igor, Wellington, Bareiro e Eltinho; João Paulo, Gustavo Bochecha (Marciel, ao 0/2ºT), Wagner (Capixaba, aos 7/2ºT) e Renato Cajá (Rafael Silva, aos 19/2ºT); Dalberto (Gabriel Bispo, aos 23/2ºT) e Breno Lopes. Técnico: Pintado.

Futebol