PUBLICIDADE
Topo

Futebol


Neymar contraria departamento médico do Paris Saint-Germain

19/02/2020 08h35

Neymar voltou a jogar e marcar gol pelo Paris Saint-Germain, mas não está satisfeito com o departamento médico do clube. O brasileiro, que não entrava em campo desde que se lesionou contra o Montpellier, no início de fevereiro, sentiu falta de ritmo de jogo na partida da última terça-feira na derrota contra o Borussia Dortmund pela Liga dos Campeões.

Na zona mista, o atacante revelou que se sentia bem para ter voltado a atuar antes do tempo programado.

- É difícil ficar quatro jogos sem jogar. Não foi minha escolha, foi algo do clube, dos médicos, foram eles que tomaram essa decisão e eu não gostei. Eu queria jogar, me sentia bem, mas o clube estava com medo e eu que sofri no final.

Apesar da derrota, Neymar acredita que o placar pode ser revertido em Paris no próximo dia 11 de março.

- Foi uma partida difícil, mas temos que aprender com o que aconteceu hoje e fazer tudo para reverter no jogo de volta. Jogar em casa é a melhor coisa do mundo.

O brasileiro sofreu com uma lesão na costela e ficou fora de três partidas do Campeonato Francês e de um jogo da Copa da França. Contra os alemães, Neymar jogou os 90 minutos, marcou o gol quando a equipe perdia por 1 a 0 e recebeu um cartão amarelo.

Futebol