PUBLICIDADE
Topo

Felipe Melo é elogiado por não cair em provocação após sofrer 4 faltas

17/02/2020 08h30

Classificação e Jogos

Felipe Melo ganhou elogios de Vanderlei Luxemburgo por manter o controle durante a vitória do Palmeiras por 3 a 1 sobre o Mirassol. O zagueiro foi o palmeirense que mais sofreu faltas, e o treinador considerou esta uma estratégia para fazê-lo perder a cabeça, o que não aconteceu.

"Eles fizeram oito ou nove faltas de ataque no Felipe Melo, para provocar uma reação daquelas que o Felipe Melo tinha. Se fosse tempos atrás, ele ia ser expulso por dar uma porrada em alguém, certeza absoluta. Eu chamei ele e perguntei se ele estava percebendo que estavam provocando ele, ele disse que sim. Eu falei para ele não fazer nada: 'fica na tua, porque você vai dar uma pancada e é o que eles querem'", afirmou Luxa.

De acordo com o Footstats, foram na verdade quatro faltas em cima do camisa 30, mas nenhum outro palmeirense sofreu tanto. Gabriel Veron e Patrick de Paula sofreram três faltas cada um e foram os palmeirenses mais derrubados depois de Felipe.

Em nova posição nesta temporada, o jogador teve atuação destacada contra o Mirassol: liderou o time em rebatidas (6), lançamentos certos (6), foi o segundo com mais desarmes (3) e o segundo com mais passes certos (61, contra apenas dois errados). No fim, ele recebeu o cartão por uma falta e reclamou, já que foi sua única infração no jogo.

"No final ele fez uma falta normal, merecido cartão, não por ele ter ficado nervoso, de intempestividade. Comigo isso acabou. Ele é capitão do time e um exemplo para todo mundo", completou Luxa.

Palmeiras