Topo

Sánchez revê vítima do 1º gol pelo Santos e sonha repetir dose "mais cedo"

Sanchez comemora gol do Santos - Ivan Storti/Santos FC
Sanchez comemora gol do Santos Imagem: Ivan Storti/Santos FC

04/09/2019 16h52

O Athletico-PR, adversário do Santos neste domingo, às 16h, na Vila Belmiro, pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro, foi a primeira vítima do meia Carlos Sánchez no Brasil. Em setembro do ano passado, o atleta marcou seu primeiro gol pelo Peixe contra o Furacão, no mesmo local.

Na ocasião, Sánchez fez de pênalti aos 51 minutos do segundo tempo e decretou a vitória para o Santos, por 1 a 0. O resultado positivo afastou o Peixe da zona do rebaixamento do Brasileiro de 2018.

- Me lembro muito bem. É uma boa recordação que guardo, pois é lindo relembrar meu primeiro gol com essa camisa. Foi muito emocionante pelo momento do jogo e também pela maneira como estávamos na tabela, pois vínhamos brigando para deixar a parte de baixo e aquela vitória foi importante para sair de perto da zona de rebaixamento - recordou o uruguaio.

Sánchez quer que a história se repita neste domingo, mas espera que o gol aconteça mais cedo para dar tranquilidade ao time santista na partida.

- Poder marcar antes seria melhor, né? Para termos mais tranquilidade dentro da partida. Mas sabemos que o Athletico tem um grande time, que já vem trabalhando junto há muito tempo. Temos consciência da nossa responsabilidade e vamos sempre buscar fazer o melhor dentro de campo para seguir lutando pela liderança. Se eu marcar de novo contra eles será lindo, mas se um outro companheiro fizer e sairmos com os três pontos, o sentimento de alegria será o mesmo - explicou Sánchez.

Quase depois de um ano, Sánchez já tem 16 gols marcados pelo Santos em 58 partidas. O uruguaio briga por uma vaga no time titular do técnico Jorge Sampaoli.

O Santos volta aos trabalhos na manhã desta quinta-feira, no CT Rei Pelé. O Peixe é o vice-líder do Brasileiro, com 36 pontos, empatado com o Flamengo. A equipe carioca vence no saldo de gols.