PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Löw tenta conversar com Özil, mas é barrado: 'O Arsenal me proibiu'

26/09/2018 10h16

A relação entre o meio campista Mesut Özil e a seleção alemã segue estremecida. Após anunciar aposentadoria da equipe tetracampeã e acusar a federação de racismo, o jogador do Arsenal segue sem contato com os membros da Alemanha. De acordo com o jornal 'Bild', o técnico Joachim Löw tentou uma reaproximação com o atleta, mas foi barrado pela própria diretoria dos Gunners.

De acordo com a informação, o treinador e seu companheiro Oliver Bierhoff estiveram em Londres para tentar convencer Özil a voltar a atuar pela seleção nacional, mas foram barrados na porta do clube. O negativa teria sido um pedido direto do comandante do time inglês Unai Emery, que não quer denegrir a imagem do jogador e quer dar tranquilidade ao meio-campista.

- Tentei conversar com ele, mas sem sucesso. Vou tentar manter o contato com ele no futuro. - afirmou o treinador da Alemanha.

Esporte