PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Palmeiras iguala série obtida em 1965 e não leva gols há oito jogos

23/08/2018 10h00

Em sua terceira passagem pelo Palmeiras, Felipão parece estar disposto a novamente escrever seu nome na história do clube e se ainda não é com títulos, isso acontece ajudando esse grupo de jogadores a atingir marcas expressivas. Com a vitória sobre o Botafogo por 2 a 0, na última quarta-feira, já são oito jogos seguidos sem sofrer gols na temporada, igualando série obtida há quase 53 anos, entre 22/8/1965 e 28/9/1965.

A atual sequência do Verdão passa pelas mãos de três treinadores diferentes: Wesley Carvalho, interino que iniciou a marca com a vitória por 3 a 0 sobre o Paraná, depois com Paulo Turra, que assumiu o time no empate em 0 a 0 com o Bahia, enquanto seu chefe ainda não havia chegado e, finalmente, seis jogos com Felipão, desde o empate em 0 a 0 com o América-MG.

O último gol sofrido pelo Palmeiras foi na derrota por 1 a 0 para o Fluminense, no Maracanã, quando o comando ainda era de Roger Machado, demitido após aquela partida, no dia 25 de julho, ou seja, a equipe não é vazada há quase um mês. De lá para cá são seis vitórias, dois empates e 12 gols marcados.

Essa sequência sem ver sua rede balançada levou o Palmeiras a ser o time de Série A com a menor média de gols sofridos em jogos oficiais em 2018. São 31 tentos cedidos em 49 partidas, média de apenas 0,63 por duelo. O Verdão é seguido de perto pelo Internacional, adversário do próximo domingo, que ostenta índice de 0,64.

Caso não sofra gols contra o Inter, em Porto Alegre, o Verdão pode igualar outras duas sequências históricas do clube de nove partidas sem ser vazado: uma atingida em janeiro de 1969, e outra entre outubro e novembro de 1973. A maior série da história do Palmeiras, no entanto, é de 12 partidas, obtida entre abril e maio de 1987.

Esporte