Guardiola não garante utilizar De Bruyne no Mundial: 'Talvez seja um pouco cedo'

O Fluminense segue acompanhando as novidades com relação ao Mundial de Clubes, que está perto de começar. Nesta sexta-feira, o técnico do Manchester City, Pep Guardiola, disse em entrevista coletiva que o meia Kevin De Bruyne pode não jogar o torneio por conta da recuperação de uma lesão.

"Ele começou a correr em campo, mas não treinou uma vez com a gente. O Mundial talvez seja um pouco cedo para ele, não sei. Kevin vai voltar quando puder, não o apressamos. Quando ele voltar, vamos recebê-lo de braços abertos", revelou Guardiola.

O belga é desfalque no City desde a cirurgia por uma contusão no tendão da coxa, em agosto. O jogador, de 32 anos, chegou a dizer que voltaria a jogar apenas em janeiro de 2024. A lesão aconteceu na final da Liga dos Campeões da temporada passada, com De Bruyne sentindo novamente na primeira partida do Campeonato Inglês. Ele disputou apenas dois jogos na temporada 2023/24, com uma assistência.

Apesar de ainda não estar 100%, o meio-campista foi integrado na lista dos jogadores relacionados para a disputa do Mundial. O treinador espanhol levará força máxima para a disputa do título, que seria inédito na sala de troféus dos Citizens.

O Manchester City pode enfrentar o Fluminense na final do Mundial de Clubes caso ambos superem seus adversários na semifinal e se encontrem na decisão. Enquanto os campeões da Libertadores estreiam no dia 18 de dezembro (podendo pegar Auckland City, Al-Ittihad ou Al-Ahly), enquanto os ingleses entram em campo no dia 19 (contra León ou Urawa Reds). Os adversários da semi saem o dia 15.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes