PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Eurocopa: Sevilha é nova cidade-sede, enquanto Bilbao e Dublin são descartadas

redacao@gazetaesportiva.com (Redação)

23/04/2021 10h06

Na manhã dessa sexta-feira, a Uefa anunciou mudanças em relação as cidades que sediarão a Eurocopa, que começará dia 11 de junho. Sevilha entrou no lugar de Bilbao, enquanto Dublin foi descartada pela organização.

Essas mudanças estão ligadas ao desejo da Uefa em realizar a competição com a presença de público, mesmo em porcentagem reduzida. Dublin e Bilbao não garantem essa condição.

"Os quatro jogos inicialmente agendados para Bilbao serão disputados no Estádio Olímpico de La Cartuja, em Sevilha. Será permitida uma lotação máxima de até 30% da capacidade do estádio para os três jogos do Grupo E e um dos jogos das oitavos de final", disse a Uefa em comunicado.

Já os jogos que seriam realizado em Dublin foram realocados para São Petesburgo (três partidas do Grupo E) e Londres (partida das oitavas de final). Um outro anúncio feito pela Uefa foi que a Allianz Arena, estádio do Bayern, terá presença garantida de 14.500 pessoas nos quatro jogos que vai sediar.

As sedes para a Euro confirmadas até aqui são: Amsterdã (Holanda), Baku (Azerbaijão), Bucareste (Romênia), Budapeste (Hungria), Copenhague (Dinamarca), Glasgow (Escócia), Roma (Itália), São Petersburgo (Rússia), Londres (Inglaterra), Sevilha (Espanha) e Munique (Alemanha).

Futebol