Melo lamenta situação de Rojas e diz que clube 'tem dificuldades'

Augusto Melo, presidente do Corinthians, comentou sobre a situação de Matías Rojas na zona mista da Neo Química Arena após a vitória contra o Santo André.

O que aconteceu

"É o direito de imagem dele, que desde que ele foi contratado não recebeu [julho de 2023]. A gente está aqui para solucionar, né? É o nosso trabalho e aos pouquinhos a gente tá fazendo. Mas faz uma coisa, cai na outra, não tá fácil", disse Melo.

"Já sabia dessa situação, é claro que a gente sabia de certa forma, mas através de uma auditoria, vimos que a coisa é muito pior. Então, aparecem essas surpresas todo dia. A gente tem que correr atrás para ver se a gente consegue solucionar", comentou o presidente alvinegro.

Rojas alega que o clube deve a ele cerca de R$ 3,5 milhões, uma das parcelas da dívida de R$ 5 milhões em direitos de imagem. O jogador usa isso para justificar sua decisão de não defender mais o Corinthians.

"O Corinthians do ano passado talvez tenha errado, mas agora a gente está percebendo. Ele [Rojas] tem o direito dele, nós temos o nosso. É lógico que ninguém quer atrasar, mas às vezes temos dificuldades. Acho que se atrasou, a gente é o maior, mas não vai deixar de pagar. Então, não tem outras situações. Atrasa um dia, atrasa outra, atrasa um mês, atrasa outra. Não chega a ser um mês, é claro. Isso faz parte do futebol. Mais cedo ou mais tarde a gente vai solucionar isso", completou Melo.

No contrato dele, uma das cláusulas diz que ele pode ir embora quando quiser. Não vou jogar a culpa para ninguém, mas fizeram isso. O Corinthians tem a obrigação de pagar em dia. Isso aqui é uma empresa, o funcionário trabalha e tem o direito de receber. Mas vamos trabalhar para resolver isso. Augusto Melo

A dívida começou em 2023, na gestão de Duilio Monteiro Alves. Em janeiro, o presidente Augusto Melo fez um acordo de parcelamento, que não foi cumprido esse mês. Isso foi o suficiente para Rojas deixar de comparecer ao CT e pedir sua rescisão.

"Existia uma cláusula que ele poderia abandonar a qualquer hora. É a segunda vez que ele faz isso, mas faz parte. Conversei com ele, com o empresário dele, com o advogado dele. Segunda-feira a gente vai sentar para conversar e resolver o problema", finalizou.

Pelo Corinthians, Rojas soma 30 jogos (15 como titular) e duas assistências. O atleta acumula 10 vitórias, nove empates e 11 derrotas no período.

Continua após a publicidade

Quer saber tudo o que rola com o Corinthians sem precisar se mexer? Conheça e siga o novo canal do UOL dedicado ao time no WhatsApp.

Deixe seu comentário

Só para assinantes