Quais os planos do novo presidente do Santos para o retorno de Neymar

Marcelo Teixeira, novo presidente do Santos, contou com exclusividade ao UOL quais são seus planos para repatriar Neymar.

O que aconteceu

O mandatário, por meio de suas redes sociais, tem revelado uma aproximação com Neymar e seu pai. O presidente tem estreitado relação com a dupla com a intenção de reestruturar o clube.

Marcelo tem feito reuniões frequentes com Neymar Pai para planejamento de projetos e contatos internacionais no mercado.

Teixeira entende que a aproximação vai abrir portas no mercado e irá possibilitar a volta do astro e também de outros jogadores importantes.

O mandatário afirmou que trabalhará para tornar possível a volta do ídolo, mesmo não dependendo apenas da vontade do jogador.

Nos últimos meses, Neymar se mostrou ativo e apoiou o Santos por meio de suas redes, ainda antes da queda. Frases como 'Santos sempre Santos' foram postadas pelo jogador.

Um dos problemas que o Peixe enfrentará para a próxima temporada é a falta de receita e diminuição de folha. Além disso, jogará apenas dois campeonatos: o Paulista e o Brasileiro.

Andres Rueda, atual presidente, tem mandato até 31 de dezembro. Marcelo Teixiera iniciará as reuniões de transição nos próximos dias.

Continua após a publicidade

Eu não quero antecipar (sobre o retorno do Neymar) porque tivemos encontros muito positivos. Muito bons. Não só com o pai do Neymar, as possibilidades da empresa e de contatos a nível internacional. Podemos explorar bem essa situação

Presidente do Santos, Marcelo Teixeira, com exclusividade ao UOL.

"O retorno do Neymar vai depender de uma série de situações nas quais adotaremos essas medidas (para ser possível). Não depende apenas da vontade do jogador. Ao aproximarmos o Santos do mercado por meio de projetos e trabalhos, a tendência é que viabilize o retorno do Neymar e não só dele, mas de outros atletas também. Porque hoje o Santos não tem essa condição, porque só disputa duas competições ano que vem, mas terá essa chance a partir do momento que a gente recoloque o Santos no cenário esportivo internacional", completou.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes