Corinthians: três motivos para confiar na vitória e dois para desconfiar

O Corinthians enfrenta o Vasco às 21h30 (de Brasília) de hoje, em São Januário, na abertura da 36ª rodada do Campeonato Brasileiro. O UOL lista abaixo três motivos para o torcedor acreditar na vitória e dois para desconfiar dos comandados de Mano Menezes.

Para acreditar

Invencibilidade histórica: O Corinthians não perde para o Vasco há 13 anos, desde outubro de 2010. Foram 20 duelos neste intervalo de tempo, com 12 vitórias do clube do Parque São Jorge e oito empates.

Desfalques do adversário: O Vasco não poderá contar com os zagueiros Maicon, Léo Pelé e Robson Bambu, além do meia Marlon Gomes, todos por suspensão. Assim, o Cruzmaltino não contará com peças importantes no time titular ou como reposição.

Jogadores querendo mostrar serviço: O elenco corintiano chega para a partida após ter sido goleado pelo Bahia em casa e com a sombra de uma reformulação geral. Augusto Melo, presidente eleito para o triênio 2024-2026, afirmou que quer contratar entre 12 a 13 reforços. Com isso, cada jogador tem mais três jogos para mostrar que merece uma vaga no time no ano que vem.

Para desconfiar

Torcedores do Corinthians protestam na Neo Química Arena na goleada para o Bahia, pelo Brasileirão
Torcedores do Corinthians protestam na Neo Química Arena na goleada para o Bahia, pelo Brasileirão Imagem: Fabio Giannelli/Agif

Ameaça do Z4: Os dois times estão na parte de baixo da tabela e lidam com o peso do risco do rebaixamento nesta reta final. Com isso, o jogo ganha confrontos mais dramáticos, e a pressão se torna mais um fator que pode impactar o resultado.

Campanha como visitante: São apenas quatro vitórias em 17 jogos fora de casa neste Brasileirão. Longe da Neo Química Arena, o Corinthians amargou nove derrotas e quatro empates.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes