Fla tenta repetir receita de arrancada por título: papo reto e mobilização

O Flamengo se inspira em uma arrancada anterior para a reta final do Brasileirão. Na temporada de 2020, o elenco teve uma reunião que mudou a rota no clube e terminou em taça.

O que aconteceu

Em 2020/21, um encontro entre os jogadores foi decisivo para o time chegar forte na reta final. O Flamengo foi campeão na última rodada.

Goleiro do time na época do título, Hugo Souza lembrou o tom da conversa e como o papo mobilizou o grupo. Ele foi o arqueiro mais jovem a ganhar o Brasileiro pelo rubro-negro.

É um título que ficou marcado por toda trajetória, a forma que foi. Um momento que lembro foi quando faltavam oito ou 10 jogos, tivemos uma reunião só os atletas e falamos que sabíamos o caminho da vitória. Era um elenco vitorioso e que sabia vencer. Naquele momento virou nossa chave. O Diego Ribas falou que ou seríamos campeões de forma heroica ou deixaríamos o ano passar em branco. Conseguimos ser campeões de forma incrível e com uma arrancada linda

Hugo Souza ao UOL

Em 2023, o time também fez reuniões para sacramentar a união na reta final. A chegada de Tite foi fundamental para que o clima no CT voltasse a ser de unidade. Diálogo e respeito são componentes importantes no dia a dia do Ninho do Urubu.

Onze jogadores seguem no time: Matheuzinho, Rodrigo Caio, Léo Pereira, Filipe Luís, Thiago Maia, Arrascaeta, Everton Ribeiro, Gerson, Gabigol, Bruno Henrique e Pedro.

O Fla está em situação melhor do que viveu em 2009 e 2020. No primeiro ano, dois pontos separavam o time do líder, e no segundo apenas um ponto. Agora o rubro-negro e o Palmeiras, líder, tem 69 e se dividem pelo saldo de gols.

Continua após a publicidade

Hugo fez parte do elenco até o meio do ano, quando foi emprestado. Ele perdeu a vaga para Santos e viu Matheus Cunha passar na disputa pela posição. O vínculo com o Chaves vai até junho de 2024.

"Faz parte da essência do Flamengo e de quem veste essa camisa. Quem foi criado lá, quem vive o Fla. É só colocar isso em prática, jogar à Flamengo, da forma que o clube merece. Estou longe, mas não deixo de acompanhar. Sou flamenguista, participei há alguns meses. Se for campeão, vou me considerar parte disso", disse Hugo Souza.

As semelhanças

Uma das coincidências dos anos é justamente no gol. Mesmo sendo uma posição que costuma mudar pouco, nos dois anos o Fla viveu modificações. Em 2020, Hugo Souza assumiu a vaga de Diego Alves. Em 2023, Rossi venceu a disputa com Santos e Matheus Cunha.

O número de treinadores também é igual, além de terem sido dois gringos e um brasileiro na temporada. Em 2023, foram três efetivados no cargo ao longo do ano: Vítor Pereira, Jorge Sampaoli e Tite. Em 2020, o Flamengo começou com Jorge Jesus e teve Domènec Torrent antes da chegada de Rogério Ceni.

Adversário e local da última rodada vão ser os mesmos. O Flamengo vai visitar o São Paulo no Morumbi, palco do encerramento e título no campeonato de 2020. Naquela ocasião, o time carioca perdeu, mas levou a taça mesmo assim.

Continua após a publicidade

O Fla também era o melhor visitante do Brasileirão naquela ocasião. Terminou o campeonato com 10 vitórias, 4 empates e 5 derrotas. Vai igualar esses números se vencer o São Paulo na última rodada.

As arrancadas de 2009 e a de 2020 vão servir como inspiração para o elenco. É um time vencedor, sabe os atalhos das vitórias, dos títulos. São grandes jogadores que aparecem nesses momentos decisivos. Com certeza isso vai servir de inspiração para o Flamengo chegar a mais um título

Hugo Souza

Canal do Flamengo no WhatsApp

Quer saber tudo o que rola com o Flamengo sem precisar se mexer? Conheça e siga o novo canal do UOL dedicado ao time no WhatsApp.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes