Líbano e Palestina empatam em jogo com homenagem a vítimas de guerra

Líbano e Palestina se enfrentaram hoje (16), pela primeira rodada das Eliminatórias da Ásia, e empataram em 0 a 0. O jogo, disputado no estádio Khalid Bin Mohammed Stadium, foi marcado por um momento identitário.

A partida contou com um minuto de silêncio pelas vítimas da guerra em Gaza, antes do apito inicial.

Os jogadores palestinos entraram vestidos com o tradicional keffiyeh. A vestimenta se trata de um lenço quadrado dobrado e usado em volta da cabeça.

Por segurança, o Líbano não mandou a partida em Beirute, e sim nos Emirados Árabes.

Jogadores palestinos vestidos com keffiyeh durante o jogo contra o Líbano
Jogadores palestinos vestidos com keffiyeh durante o jogo contra o Líbano Imagem: Giuseppe Cacace/AFP

As seleções

O grupo extremista Hamas, da Palestina, vive um conflito com Israel. O confronto, iniciado em 7 de outubro, já deixou mais de 12 mil mortos.

A seleção da palestina teve sua última vitória em março deste ano. Na ocasião, bateu o Bahrein por 2 a 1. Depois do amistoso, foram três derrotas e um empate.

O Líbano, mesmo não vivendo guerra com os israelitas, é o país que concentra o grupo Hezbollah, que também vem sendo atacado.

Continua após a publicidade

A seleção libanesa acumula dois reveses em amistosos de preparação, um para Montenegro e outro para os Emirados Árabes.

As Eliminatórias asiáticas

A nova fase da competição iniciou hoje e vai de novembro de 2023 até junho do ano que vem. Ao todo, são 36 seleções brigando por oito vagas diretas à Copa de 2026, além de uma nação participante da repescagem.

Os times são divididos em nove grupos, com quatro integrantes cada. Os dois melhores de cada chave dão sequência ao campeonato.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes

As mais lidas agora