PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Grêmio x São Paulo vira 'jogo de risco' e terá segurança extra no estádio

Pedro H. Tesch/AGIF
Imagem: Pedro H. Tesch/AGIF

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

01/12/2021 04h00Atualizada em 01/12/2021 21h44

Classificação e Jogos

Grêmio e São Paulo promete ser um jogo de fortes emoções. A partida na quinta-feira (2), pode marcar o rebaixamento matemático do time gaúcho, que chegou a 98,2% de chance de cair depois da vitória do Juventude diante do Red Bull Bragantino, na terça-feira (30). O confronto também terá o retorno de público à Arena do Grêmio, após fim da liminar que fechou portões em consequência de invasão e depredação da cabine do VAR. Por conta disso, o clube já encaminhou pedido para reforço na segurança do estádio. A Arena Porto-Alegrense, empresa que administra o local, providencia as medidas adicionais de segurança.

O Grêmio é o responsável legal pela organização da partida, mas a parte operacional é tocada pela administradora da Arena do Grêmio.

Na segunda-feira (29), o Grêmio obteve liberação do STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) para a volta da torcida aos jogos. O órgão, no entanto, manteve fechado o setor chamado Arquibancada Norte, atrás de um dos gols e sem cadeiras. Foi dali que partiu a invasão de pelo menos 24 pessoas ao gramado, depois do apito final na derrota por 3 a 1 para o Palmeiras, pela 29ª rodada do Brasileirão.

Os sócios com acesso à Arquibancada Norte serão realocados na área Superior Norte, segundo informe oficial da administradora do estádio. Os ingressos começam a ser vendidos aos sócios-torcedores e torcedores em geral a partir de hoje (1).

"Pela liturgia do jogo, vamos tomar providências", declarou um dirigente gremista.

A diretoria do Grêmio confirmou ao UOL Esporte que já disparou pedido para reforço na segurança do estádio. Em nota, a Arena Porto-Alegrense se limitou a confirmar os cuidados adicionais.

"Já é costumeiro que, antes de cada partida, a Arena do Grêmio realiza uma minuciosa avaliação de risco de possíveis confrontos com toda a equipe de segurança e Brigada militar. Além disso, também é dimensionado as equipes de trabalho baseados nessa avaliação. Especificamente para essa partida, a segurança será reforçada tanto a privada quanto a pública", diz nota enviada à reportagem.

Além da operação do estádio, a polícia também será notificada. A Brigada Militar atua no policiamento no entorno do estádio e realiza escolta das delegações dos clubes, do hotel até o palco da partida.

Grêmio e São Paulo jogam amanhã (2), às 20h (horário de Brasília), pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. O time gaúcho soma 36 pontos e ocupa o 18º lugar na tabela.

Errata: o texto foi atualizado
Diferentemente do inicialmente informado, o jogo entre Grêmio e São Paulo é válido pela 35ª rodada e não pela 37ª. O erro já foi corrigido.

Futebol