PUBLICIDADE
Topo

Futebol

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

RMP: 'Condição de Bruno Henrique pode abrir espaço para Michael na final'

Do UOL, em São Paulo

18/11/2021 09h29

Ao mesmo tempo em que comemorou a boa atuação de Bruno Henrique, autor do gol da vitória por 1 a 0 sobre o Corinthians nesta quarta-feira (17), a torcida do Flamengo ficou apreensiva. O atacante sentiu dores no joelho esquerdo durante a partida, mas permaneceu em campo até o final. Os flamenguistas temem que o problema afete a presença do jogador na final da Libertadores, no próximo dia 27, contra o Palmeiras em Montevidéu.

Na Live do Flamengo, programa do UOL Esporte logo após os jogos do Mengão, os jornalistas André Rocha e Renato Maurício Prado se mostraram preocupados com a situação de Bruno Henrique. Eles também chamaram a atenção para o fato de o Flamengo ter vários jogadores voltando de lesão, o que pode comprometer o rendimento do time na decisão da Libertadores.

"A notícia que me preocupa é o Bruno Henrique. Ele continuou no jogo até o final, fez o gol de cabeça, mas claramente sentiu alguma coisa no joelho depois de fazer uma jogada bonita na qual o Cássio fez uma defesa difícil. Ele sentiu um desconforto e eu achei que fosse muscular, mas vendo o atendimento e ele colocando a mão, me pareceu que era joelho. Até em outras jogadas em que ele não estava jogando, via-se uma expressão de dor. Essa, em compensação, é a minha preocupação", comentou Renato.

Rocha demonstrou preocupação com os planos do Flamengo para as próximas partidas do Brasileirão, por conta da possibilidade de utilizar alguns titulares. "A gente fica sem entender muito bem qual é o planejamento do Flamengo porque houve essa mudança de datas e a sequência de jogos em Porto Alegre. Teremos que ver qual é essa estratégia. Contra o Grêmio, parece até uma irresponsabilidade se acontecer alguma coisa. O Grêmio jogando a vida para não cair e contra o Inter também, que tem tudo engasgado da temporada passada. Fica um grande mistério", apontou.

Para Renato, caso seja confirmado tratar-se de um problema mais grave e Bruno Henrique não tenha condições de jogar contra o Palmeiras, o Flamengo já tem a solução. "Se de repente ele não puder jogar a final da Libertadores, está resolvida a questão do Michael. A Globo mandou uma assim [durante a transmissão da partida]: 'Há uma polêmica se joga o Michael ou Arrascaeta'. Não sei de onde tiraram essa polêmica, que nunca existiu. A discussão pode ser Michael ou Everton Ribeiro, ou o próprio Bruno Henrique, se não estiver bem fisicamente. Temo que o Bruno Henrique possa abrir essa vaga. Tomara que não e ele se recupere, porque é um jogador importantíssimo", avaliou o colunista do UOL.

Rocha chamou a atenção para outros casos de jogadores em recuperação de problemas físicos, e cujas condições são uma incógnita para o duelo contra o Palmeiras. "O Arrascaeta nunca volta. O Diego Alves chegou ao quarto jogo sem atuar. É o quê, isso? Está sendo preservado, está machucado? A gente não tem uma certeza absoluta diante de tantas críticas contra esse departamento médico. E se, de repente, em uma transição par voltar, sentir alguma coisa? Eles vão divulgar?", questionou.

Com tantos casos de lesões recorrentes no elenco rubro-negro, Rocha criticou o departamento médico do clube. "Ou seja: essa estratégia do Flamengo, se é que ela existe, vai ser o seguinte. Se ganhar a Libertadores, será contra tudo e contra todos, o Renato será um estrategista, os jogadores espetaculares e tudo será varrido para baixo do tapete. Se perder, tudo isso que está acontecendo agora vai vir à tona. Existe a possibilidade de o Arrascaeta só voltar na final. Isso é uma irresponsabilidade, ele não jogar nem um pouco antes. Sabe-se lá se o Diego Alves vai voltar agora. Teve o problema do Arão, que sentiu o joelho, e agora o Bruno Henrique. É muita gente machucada. Tem alguma coisa muito errada nesse planejamento", concluiu o colunista do UOL.

Não perca! A próxima edição da Live do Flamengo será no sábado (20), logo após a partida contra o Internacional pelo Brasileirão. Você pode acompanhar o programa pelo Canal UOL, no app Placar UOL, na página do Flamengo no UOL Esporte e no canal do UOL Esporte no Youtube.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Futebol