PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Flamengo e Cuiabá empatam por 0 a 0 após polêmica com gol anulado

Colaboração para o UOL, em São Paulo

17/10/2021 22h29

Classificação e Jogos

O Flamengo parou no ferrolho defensivo do Cuiabá na noite de hoje (17), no Maracanã, empatou sem gols e perdeu a oportunidade de ficar mais perto do líder Atlético-MG, que perdeu na rodada do Brasileirão. O jogo no Rio de Janeiro foi marcado pela polêmica com um gol de Michael, anulado pela arbitragem logo nos primeiros minutos.

Com o resultado, o Rubro-Negro vai a 46 pontos e fica a dez do Galo. Uma vitória na partida de hoje faria o Fla depender de si mesmo para assumir a liderança, uma vez que o time tem dois jogos a menos que o Atlético, além de um confronto direto com o líder na 29ª rodada. Com o empate fora de casa, o Dourado foi a 35 pontos e subiu para a nona posição.

Na próxima rodada, o Rubro-Negro terá pela frente o clássico contra o Fluminense, no Maracanã, às 19h de sábado (23). No dia seguinte, o time de Mato Grosso visita o líder Atlético-MG, às 16h, no Mineirão.

Antes disso, o time carioca visita o Athletico-PR, pelo jogo de ida das semifinais da Copa do Brasil, às 21h30 de quarta-feira (20), na Arena da Baixada.

Quem foi bem: Michael

Michael comemora antes de gol pelo Flamengo ser anulado - Jorge Rodrigues/AGIF - Jorge Rodrigues/AGIF
Michael comemora antes de gol pelo Flamengo ser anulado
Imagem: Jorge Rodrigues/AGIF

Vivendo ótima fase desde a chegada de Renato Gaúcho, Michael foi o destaque do Flamengo na partida. O atacante se movimentou muito, criou boas oportunidades e marcou um gol no início da partida, que acabou anulado por impedimento de Matheuzinho. Nenhum outro nome do ataque flamenguista foi tão participativo quanto o camisa 19.

Quem foi mal: Gabigol

Nos pouco mais de 70 minutos em que esteve em campo, Gabigol apareceu pouco, ficou preso à marcação do Cuiabá e, quando teve oportunidades para marcar, finalizou mal. A atuação do camisa 9 colaborou com o ferrolho montado por Jorginho para sair do Maracanã sem sofrer gols.

Fla pressiona, mas para no ferrolho do Cuiabá

Precisando vencer para aproveitar o tropeço do Atlético-MG e se aproximar da liderança, o Flamengo começou a partida indo para cima e pressionando a defesa do Dourado. Logo aos oito, os rubro-negros marcaram com Michael, mas o gol foi anulado por impedimento. Atuando mais avançado que de costume, com Thiago Maia e Arão como volantes, Andreas Pereira também teve desempenho apagado no Maracanã.

Andreas Pereira é cercado por jogadores do Cuiabá durante jogo do Flamengo - Jorge Rodrigues/AGIF - Jorge Rodrigues/AGIF
Andreas Pereira é cercado por jogadores do Cuiabá durante jogo do Flamengo
Imagem: Jorge Rodrigues/AGIF

Cuiabá se fecha atrás e deixa Maracanã com um ponto

O Cuiabá entrou em campo com a missão de segurar as ofensivas dos donos da casa e buscar a vitória no contra-ataque. No primeiro tempo, o objetivo deu certo: a não ser pelo gol anulado, o Rubro-Negro criou poucas chances claras, e ainda deu tempo do Dourado assustar nos acréscimos, após bola dividida por Camilo, Jenison e Léo Pereira. Na etapa final, com um Flamengo mais agudo, Jorginho colocou o zagueiro Marllon no lugar do volante Auremir, a fim de reforçar o ferrolho.

Gol anulado de Michael gera polêmica

Aos 8 minutos de jogo, o gol anulado gerou reclamação entre os torcedores e o elenco flamenguista. Michael se aproveitou de sobra na grande área e chutou no canto direito de Walter. Após a marcação de impedimento de Matheuzinho no lance, o VAR pediu para Flavio Rodrigues de Souza revisar o lance. A dúvida era se o toque do zagueiro Alan Empereur na bola dava condições para o lateral flamenguista, o que anularia a marcação, mas o árbitro manteve a decisão e não validou o tento rubro-negro. Para o comentarista de arbitragem Sandro Meira Ricci, do SporTV, o lance foi legal. Um outro lance, no fim da partida, voltou a causar protesto: em dividida, Yuri atingiu Vitinho com o braço, e o árbitro mandou o lance seguir. O VAR não pediu revisão, mas Meira Ricci viu pênalti no lance

Diego Alves completa 200 jogos

Com a partida diante do Cuiabá, o goleiro Diego Alves chegou à marca de 200 jogos pelo Flamengo. Titular absoluto desde meados de 2017, o arqueiro já conquistou nove títulos. Entre eles, a Libertadores de 2019, dois Campeonatos Brasileiros (2019 e 2020), duas Supercopas do Brasil (2019 e 2020) e a Recopa Sul-Americana de 2020, além de três estaduais.

Desfalcado, Fla joga com time misto

Com os desfalques de Bruno Henrique, Arrascaeta, David Luiz, Isla e Rodrigo Caio, Renato Gaúcho teve de usar um time misto no Maracanã. Matheuzinho, Léo Pereira e Thiago Maia tiveram atuações seguras e não comprometeram. Já Bruno Viana errou passes simples e atrapalhou as saídas pela defesa do time de Renato Gaúcho. No ataque, Michael fez ótima partida e foi o mais criativo entre os rubro-negros.

Ficha técnica

Flamengo 0 x 0 Cuiabá

Data: 17/10/2021

Local: Maracanã, Rio de Janeiro (BRA)

Hora: 20h30 (de Brasília)

Árbitro: Flavio Rodrigues de Souza (SP)

Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse (SP) e Fabrini Bevilaqua Costa (SP)

Cartões amarelos: Filipe Luís (Flamengo) e Marllon (Cuiabá)

Gols:

Flamengo: Diego Alves; Matheuzinho, Bruno Viana, Léo Pereira e Filipe Luís; Willian Arão, Thiago Maia (Kenedy), Everton Ribeiro (Vitinho) e Andreas Pereira; Michael (Gustavo Henrique) e Gabriel (Vitor Gabriel). Técnico: Renato Gaúcho.

Cuiabá: Walter; Lucas Ramon (Yuri), Paulão, Alan Empereur e Uendel; Auremir (Marllon), Camilo (Jonathan Cafu) e Pepê; Clayson, Felipe Marques (Rafael Gava) e Jenison (Elton). Técnico: Jorginho.

Futebol