PUBLICIDADE
Topo

Copa da Liga Inglesa - 2022

City atropela time da 3ª divisão, faz 6 a 1 e poderia ter feito mais

De Bruyne comemora gol do Manchester City contra o Wycombe na Copa da Liga Inglesa - GettyImages - Gareth Copley / Equipe
De Bruyne comemora gol do Manchester City contra o Wycombe na Copa da Liga Inglesa Imagem: GettyImages - Gareth Copley / Equipe

Do UOL, em São Paulo

21/09/2021 17h38

Classificação e Jogos

O Manchester City estreou com vitória por 6 a 1 na Copa da Liga Inglesa. Enfrentando o Wycombe, time da terceira divisão inglesa, os comandados de Pep Guardiola levaram a melhor no Etihad Stadium. Os visitantes saíram na frente com gol de Hanlan, mas De Bruyne, Mahrez (2), Foden, Ferran Torres e Palmer viraram o placar e garantiram o resultado.

No começo do confronto, o gol do Wycombe trouxe a possibilidade de os torcedores acompanharem uma 'zebra' do tamanho do atacante Akinfenwa, mas, o forte elenco do Manchester não deixou com que o adversário terminasse os 90 minutos em vantagem e goleou os comandados de Gareth Ainsworth.

Com o resultado, o City garante a vaga na quarta fase, uma espécie de oitavas de final, e volta aos gramados no próximo domingo (25), quando visitará o Chelsea, pela Premier League. Depois de três dias, na terça-feira (28), os comandados de Guardiola visitarão o Paris Sain-Germain pela Liga dos Campeões.

Futebol ou rúgbi?

O tamanho do atacante Adebayo Akinfenwa chamou atenção dos internautas nas redes sociais. O inglês, de naturalidade nigeriana, começou como titular e mostrou que seu 1,85m e 102kg podem dar muito trabalho para os zagueiros, justamente pela força que tem.

Adebayo Akinfenwa, atacante do Wycombe Wanderers, comemora gol contra o Manchester City - Action Images via Reuters - Action Images via Reuters
Adebayo Akinfenwa, atacante do Wycombe Wanderers, comemora gol contra o Manchester City
Imagem: Action Images via Reuters

Alegria momentânea

O Wycombe Wanderers abriu o placar com 21 minutos do primeiro tempo com Hanlan. Mas, o gol sofrido atiçou a 'fúria' de De Bruyne e seus companheiros. Aos 28, o atleta belga deixou tudo igual e abriu os caminhos para que Mahrez e Foden garantissem a vantagem no placar para o City.

Domínio dos mandantes

A segunda etapa foi de total comando por parte do Manchester City. Aos 26 minutos, Ferran Torres ampliou o placar para 4 a 1. Os comandados de Guardiola deixaram o placar ainda mais elástico na reta final com Mahrez e Cole Palmer, cravando a goleada por 6 a 1.

Além disso, Sterling também balançou as redes, mas o gol foi anulado, afinal, o atacante estava em posição irregular.