PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Após golaços e terceiro lugar da Colômbia, Rueda rasga elogios a Diaz

Luis Diaz, da Colômbia, e Renato Tapia, do Peru, disputam a bola na decisão do 3º lugar da Copa América - Pedro Vilela/Getty Images
Luis Diaz, da Colômbia, e Renato Tapia, do Peru, disputam a bola na decisão do 3º lugar da Copa América Imagem: Pedro Vilela/Getty Images

Marinho Saldanha

Do UOL, em Brasília (DF)

10/07/2021 00h10

Classificação e Jogos

O técnico Reinaldo Rueda rasgou elogios a Luis Diaz. Depois de ver dois golaços do atacante na vitória da Colômbia por 3 a 2 sobre o Peru, que significou o terceiro lugar da Copa América, o técnico disse que se trata de um jogador de "grande condição".

"A Colômbia tem um menino de grande condição, de equilíbrio mental, de humildade. Além de toda condição técnica que tem, é um jogador com a vocação do gol", elogiou o técnico.

Na disputa pelo terceiro lugar da Copa América, Diaz tirou um defensor da jogada com um domínio de ombro antes de fazer seu primeiro gol, o segundo da seleção que antes tinha marcado com Cuadrado, de falta. E já nos minutos finais, quando o jogo se encaminhava para decisão nos pênaltis, uma pancada de fora da área morreu no ângulo de Gallese e definiu a vitória.

"Ele significa muito ao coletivo e ainda tem habilidade, aguenta a posse de bola, cria desequilíbrios. Estamos diante de um jogador que Deus colocou em nosso caminho e que tomara que siga assim por muito tempo para que possamos desfrutar do futebol dele", completou.

Diaz já tinha sido destaque colombiano contra Argentina e também feito um golaço contra o Brasil. Aos 24 anos, ele é jogador do Porto, de Portugal, e foi descoberto pelo ídolo colombiano Carlos Valderrama durante um torneio indígena, como contou o UOL Esporte.

Esporte