PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Associação de Clubes presta apoio a Rogério Caboclo em meio à crise na CBF

Rogério Caboclo, presidente da CBF, vive crise na instituição - Reprodução
Rogério Caboclo, presidente da CBF, vive crise na instituição Imagem: Reprodução

Thiago Fernandes

Do UOL, em São Paulo

26/05/2021 18h02

A Associação Nacional de Clubes de Futebol (ANCF) publicou, na tarde de hoje (26), uma nota em que manifesta o apoio ao presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Rogério Caboclo. A entidade é presidida pelo mandatário do Avaí, Francisco José Battistotti, e conta com 21 clubes.

Por meio do comunicado, o grupo diz que "reconhece importantes avanços desenvolvidos sob a gestão do Presidente Caboclo e espera que tais projetos e condutas mantenham sua natural continuidade, bem como repudia qualquer manipulação de fatos ou criação de notícias especulativas visando desestabilizar ambientes ou gerar conflitos inexistentes".

A Associação Nacional de Clubes de Futebol (ANCF) ainda reforça o apoio "a continuidade da gestão da diretoria eleita para o mandato 2019-2023".

A ANCF é composta por 21 clubes: América-MG, Chapecoense, Confiança, Atlético-GO, Avaí, Botafogo-SP, Brusque, CSA, CRB, Remo, Náutico, Cruzeiro, Cuiabá, Juventude, Vitória, Figueirense, Brasil de Pelotas, Operário, Paraná, Sampaio Corrêa e Vila Nova.

Confira, abaixo, a nota oficial divulgada pela entidade na tarde de hoje:

"A Associação Nacional de Clubes de Futebol, representando seus clubes filiados abaixo relacionados, manifesta seu total apoio à Confederação Brasileira de Futebol na pessoa de seu representante máximo o Presidente Rogério Caboclo.

Reconhecemos importantes avanços desenvolvidos sob a gestão do Presidente Caboclo e esperamos que tais projetos e condutas mantenham sua natural continuidade, bem como repudiamos qualquer manipulação de fatos ou criação de notícias especulativas visando desestabilizar ambientes ou gerar conflitos inexistentes.

Cabe salientar também que empenhamos nosso total apoio a continuidade da gestão da diretoria eleita para o mandato 2019-2023".

Futebol