PUBLICIDADE
Topo

Futebol feminino

Salezio Kindermann, presidente do Avaí Kindermann, morre de covid-19

Salezio Kindermann, presidente do Avaí Kindermann, morre de covid-19 - Andrielli Zambonin/Avaí Kindermann
Salezio Kindermann, presidente do Avaí Kindermann, morre de covid-19 Imagem: Andrielli Zambonin/Avaí Kindermann

Colaboração para o UOL, em São Paulo

16/05/2021 10h44

Salezio Kindermann, presidente e fundador do time de futebol feminino Avaí Kindermann, morreu ontem, aos 77 anos de idade. O mandatário do clube futebolístico ficou 37 dias internado na UTI tentando se recuperar da covid-19.

A equipe de Santa Catarina classificou o momento como 'de muita tristeza' e afirmou que 'estão completamente arrasados'. O velório neste domingo é restrito aos familiares.

Conhecido como uma das potências do futebol feminino, no Brasil, o Avaí Kindermann tem em seu cartel de títulos 10 títulos estaduais e uma Copa do Brasil feminina.

No Campeonato Brasileiro de 2021, o time catarinense é o 11º colocado, com sete pontos.

Confira a nota completa:

Salézio Kindermann, presidente e fundador do Avaí/Kindermann, gestor da equipe do Napoli, e grande incentivador do futebol feminino nacional, infelizmente não resistiu às sequelas provocadas pela Covid-19 e faleceu na noite deste sábado (15), às 23h54, aos 77 anos.

Salézio ficou 37 dias hospitalizado na UTI. Ele testou positivo para Covid-19 no dia 5 de abril. No dia 8 de abril, foi internado no hospital Maicé, de Caçador (SC), e no mesmo dia foi intubado na UTI em estado gravíssimo. Salézio chegou a apresentar grandes melhoras. Foi inclusive retirado aos poucos dos aparelhos. Ele chegou a ser transferido para uma UTI destinada a pacientes que não possuem mais o vírus da Covid. Porém, no dia 12 de maio Salézio teve uma parada cardiorrespiratória que voltou a agravar todo o quadro.

A família Kindermann foi contactada pelo hospital na noite deste sábado para receber a notícia do falecimento.

Salézio foi um dos maiores incentivadores do futebol feminino nacional. "Deus estava precisando de um dirigente para comandar o time de futebol do céu e ele veio buscar o melhor", declarou a família.

O velório será neste domingo (16), porém será restrito à família. Em uma próxima data a ser definida, será organizada uma homenagem da forma que Salézio merece.

Clubes lamentam:

Futebol feminino