PUBLICIDADE
Topo

Francês - 2020/2021

PSG empata com o Rennes e se complica na disputa pelo título francês

Neymar lamenta chance de gol perdida diante do Rennes, no Campeonato Francês - STEPHANE MAHE/REUTERS
Neymar lamenta chance de gol perdida diante do Rennes, no Campeonato Francês Imagem: STEPHANE MAHE/REUTERS

Do UOL, em São Paulo

09/05/2021 18h03

Classificação e Jogos

O PSG não apresentou um grande futebol e ficou no 1 a 1 com o Rennes, no Roazhon Park, em jogo válido pela antepenúltima rodada do Campeonato Francês. Neymar abriu o placar de pênalti, e Guirassy deixou tudo igual para o time da casa.

O brasileiro voltou a ter um desempenho mediano. Apesar de aparecer no ataque e do pênalti muito bem batido, Neymar deixa a impressão de que poderia entregar mais ao torcedor do PSG.

Para continuar na briga pelo caneco, os parisienses precisavam de uma vitória, já que somam apenas 76 pontos contra 79 do líder Lille. Agora, resta à equipe torcer para que o adversário tropece nas duas últimas rodadas, contando com bons resultados nos próprios compromissos, contra Reims e Brest.

Programação

Na quarta-feira (12), os comandados por Pochettino tem uma nova decisão pela frente. A equipe enfrenta o Montpellier nas oitavas de final da Copa da França. No domingo (16), o adversário é o Reims, às 16h. No mesmo horário, o Rennes pega o Monaco.

O jogo

O PSG criou algumas chances na primeira etapa, mas parou nas mãos de Gomis. Em um lançamento de Neymar, Di María ajeitou e Draxler chutou de primeira. O goleiro conseguiu cair no cantinho direito para espalmar.

No lance seguinte, Gomis tomou um susto: No contra-ataque do PSG, Neymar recebeu no bico da área pela esquerda, cortou para o meio e chutou rasteiro. O goleiro só observou a bola raspando a trave direita.

Aos 28, Guirassy marcou para o Rennes, impedido, e o lance foi invalidado pelo árbitro. O mesmo aconteceu com o PSG logo depois, com Keane, que recebey de Dagba e marcou de cabeça. A bola saiu antes do cruzamento, e o placar se manteve em 0 a 0.

Kurzawa foi atingido ao tentar um voleio de canhota e caiu em campo. O primeiro tempo já passava dos acréscimos e se encaminhava para o apito final quando o VAR chamou atenção do árbitro para análise do lance no camisa 20.

Em meio à muitas reclamações dos jogadores do Rennes, o juiz revê o lance no VAR e marca o pênalti. Na cobrança, Neymar foi preciso - deu uma paradinha e chutou rasteiro no canto esquerdo. Gomis acertou o canto, mas não chegou nela.

O Rennes voltou melhor, e martelou até conseguir igualar a placar no Roazhon Park. No momento em que o PSG encontrava dificuldades, Guirassy subiu sem marcação na marca do pênalti e testou firme para o fundo do gol.

A situação, que já não era favorável para o PSG, ficou pior com a pressão do Rennes. Na tentativa de cortar o contra-ataque do Rennes, Kimpembe foi com muita sede ao pote e deu uma voadora em Doku, que avançava pela esquerda para sair livre na cara do gol.

Já nos acréscimos, Navas se esticou para evitar a virada do Rennes no final. Tait recebeu na entrada da área, e chutou buscando o canto direito. O goleiro tirou com a ponta dos dedos.