PUBLICIDADE
Topo

Real Madrid

Declarações de Florentino Pérez esfriam renovação de Sergio Ramos

Sergio Ramos ao lado de Florentino Pérez, presidente do Real Madrid.  - Reprodução/Instagram
Sergio Ramos ao lado de Florentino Pérez, presidente do Real Madrid. Imagem: Reprodução/Instagram

Colaboração para o UOL, em São Paulo

22/04/2021 14h50

Em entrevista para o programa de TV espanhol 'El Chiringuito', Florentino Pérez, presidente do Real Madrid, comentou que é necessário que "sejam feitas mudanças" no clube. Com isso, a demora na renovação com Sergio Ramos veio à tona. O contrato do zagueiro se encerra no dia 30 de junho e ainda não há definições sobre o seu futuro.

"O Madrid precisa que seja feita uma mudança de tempos em tempos. Ganhamos muitos títulos, aconteceram muitas coisas e temos que mexer nas estruturas para recuperar a ilusão. Estou nessa função", disse.

Quando questionado sobre a permanência de Ramos na equipe merengue, Pérez comentou: "Amo-o como se fosse meu filho, fiz tudo o que pude por ele. Mas não me encoraja pagar mais por Sergio Ramos. A situação é essa, ele também sabe."

A questão principal é a redução salarial de 10% que o Real pede aos jogadores para atenuar as perdas por conta da covid-19 (de 91 milhões de euros (R$ 600,8 milhões, na cotação de hoje), embora a classificação para as semifinais da Liga dos Campeões já tenha atenuado essa previsão). Entretanto, o zagueiro ainda não aceitou esta condição para o próximo ano.

"Por enquanto, estamos vendo como vamos acertar o fechamento desta temporada. E então vamos pensar sobre a próxima", concluiu.

Real Madrid