PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Rashford e Bruno Fernandes marcam e United bate Granada na Liga Europa

Rashford e Greenwood comemoram o primeiro gol do United contra o Granada - CRISTINA QUICLER/AFP
Rashford e Greenwood comemoram o primeiro gol do United contra o Granada Imagem: CRISTINA QUICLER/AFP

Do UOL, em São Paulo

08/04/2021 17h55

O Manchester United venceu o Granada por 2 a 0 na primeira partida das quartas de final da Liga Europa, realizada no Estádio Nuevo Los Cármenes, na Espanha. Rashford e Bruno Fernandes fizeram os gols.

Os ingleses levam vantagem para a decisão da vaga em casa, na próxima quinta-feira (15), às 16h. Antes diso, no domingo (11), o time de Solskjaer enfrenta o Tottenham, às 12h30, pelo Campeonato Inglês, e o Granada visita o Valladolid às 13h30, pelo Espanhol.

Os Red Devils começaram a partida apostando na posse de bola e na distribuição rápida, dificultando as ações do Granada. No início da partida, um homem nu invadiu o gramado e obrigou o árbitro a paralisar o jogo por alguns minutos.

Rashford teve uma boa chance aos 19, de falta, mas a distância atrapalhou e o jogador mandou por cima do gol.

Aos 31, o inglês acertou. Lindelof cruzou na área e o camisa 10 finalizou certeiro no canto direito. Apagado na partida, Bruno Fernandes arrematou da entrada da área, mas foi interceptado pela defesa do Granada, conseguindo apenas um escanteio.

O Granada ameaçou com perigo já no fim da primeira etapa, com Herrera. O venezuelano bateu da altura da marca do pênalti e a bola explodiu no travessão.

Na segunda etapa, Herrera deu um belo passe em profundidade para o Granada chegar em contrataque, mas em alerta, a defesa do Manchester United cortou antes que alguém pudesse receber o passe.

Machis tentou a finalização da entrada da área, mas não conseguiu ameaçar e foi interceptado.

Bruno Fernandes perdeu uma chance inacreditável ao receber de James na entrada da pequena área. O português levantou a cabeça e chutou rasteiro no meio do gol, mas Rui Silva reagiu a tempo e conseguiu impedir que ele ampliasse o placar.

Aos 43, Brice, que tinha acabado de entrar em campo, fez falta em Bruno Fernandes dentro da área e o árbitro assinalou pênalti. Na cobrança, Rui Silva chegou a tocar na bola, mas a bola entrou no cantinho esquerdo do gol.

Futebol