PUBLICIDADE
Topo

Atlético-MG

Corredor, placa, choro e calçada da fama: Victor se despede do Atlético-MG

Goleiro que virou "São Victor" para a torcida do Galo recebeu uma série de homenagens em último jogo - Divulgação/Mineirão
Goleiro que virou "São Victor" para a torcida do Galo recebeu uma série de homenagens em último jogo Imagem: Divulgação/Mineirão

Do UOL, em Belo Horizonte

28/02/2021 21h05

Classificação e Jogos

Imediatamente após o apito final que decretou a vitória do Atlético-MG por 3 a 0 contra a URT, pela primeira rodada do Campeonato Mineiro, os jogadores do Galo se dirigiram ao goleiro Victor para dar continuidade às homenagens feitas pelo clube. Aos 38 anos, o goleiro se despediu oficialmente do clube que virou ídolo e até santo para a torcida.

Antes de a bola rolar, o Atlético já havia iniciado uma série de homenagens ao goleiro em suas redes sociais. No caminho para o Mineirão, o ônibus do clube levava a frase "São Victor #Gratidão" em seu letreiro. Capitão da equipe em campo, Victor usou a camisa de número 424 em referência aos jogos feitos pelo Atlético. Os outros atletas também levaram o nome do goleiro em seus uniformes.

Victor - Divulgação/Mineirão - Divulgação/Mineirão
Imagem: Divulgação/Mineirão

Após os 3 a 0, com gols de Tardelli, Marrony e Echaporã, Victor entrou novamente em campo, agora diante de um corredor de jogadores. Aplaudido pelos colegas e familiares, o goleiro se emocionou ao assistir um material da TV Galo, exibido no telão do Mineirão. Após a homenagem, o ídolo alvinegro ainda recebeu uma placa do presidente Sérgio Coelho antes de fazer um pronunciamento. Por último, ele deixou suas mãos marcadas em um molde que será colocado na calçada da fama do Mineirão.

"Pode ter certeza que as lágrimas são de alegria, orgulho, de sensação de dever cumprido, de legado que fica. Obrigado ao Clube Atlético Mineiro por me proporcionar as maiores alegrias e emoções da minha vida. Obrigado a todos pelo carinho. Agradeço o torcedor, a massa atleticana, que sempre me apoiou, independentemente do momento, reconhecendo sempre a entrega que sempre tive", disse o goleiro.

Agora, Victor irá tirar alguns dias para descansar e ficar com a família. Em seguida, ele irá tomar o próximo passo da carreira. Apesar da aposentadoria, há chances reais de o agora ex-goleiro voltar ao Atlético, desta vez para ocupar um cargo no departamento de futebol.

Atlético-MG