PUBLICIDADE
Topo

Futebol

ANÁLISE

Texto baseado no relato de acontecimentos, mas contextualizado a partir do conhecimento do jornalista sobre o tema; pode incluir interpretações do jornalista sobre os fatos.

Menon: "São Paulo é um time de fracassados"

Do UOL, em São Paulo

22/02/2021 23h47

Classificação e Jogos

Em jogo que encerrou a 37ª e penúltima rodada do Brasileirão, o São Paulo decepcionou mais uma vez seu torcedor. A derrota por 1 a 0 para o Botafogo, lanterna e rebaixado, nesta segunda-feira (22), no Engenhão, deixou o Tricolor em situação nada confortável para a última rodada. A equipe enfrenta o Flamengo, que disputa o título, e está ameaçada de perder uma vaga direta na fase de grupos da Libertadores, dependendo da combinação de resultados.

No Fim de Papo, live pós-rodada do UOL Esporte —com os jornalistas Luiza Oliveira, Menon e Danilo Lavieri e o ex-jogador Ricardo Rocha— não faltaram críticas ao time paulista, que chegou a liderar o Brasileiro com grande vantagem de até sete pontos para o segundo colocado e hoje corre o risco de ter de disputar a fase preliminar da Libertadores.

"É um time em que falta caráter, sem fibra, sem nada. O Botafogo atuou com reservas, com garoto de 16 anos. Era para o São Paulo entrar pressionando, mas era aquela bola de um lado para o outro, indolente, indecente. É um time de fracassados, de gente que entra em campo sem saber o que precisa fazer", criticou Menon.

Ricardo Rocha também se mostrou decepcionado com o nível do futebol apresentado pelo São Paulo na reta final do Brasileiro. "Se você vê as entrevistas, eles falam sempre a mesma coisa, de reagir, mas não reagem. Você espera mais desse time. Não adianta buscar desculpa. O São Paulo tem que se mostrar forte. O time não merece estar entre os quatro e vai suar sangue", disse o ex-zagueiro, lembrando da disputa por uma vaga direta na fase de grupos da Libertadores.

Para Lavieri, a derrota para o rebaixado Botafogo coloca ainda mais pressão sobre o clube e também para Hernán Crespo, novo técnico que assumirá o time ao final do Brasileirão. "Esse jogo foi muito pior do que estávamos acostumados a ver com o São Paulo do Fernando Diniz. Foi o pior jogo que vi do time no campeonato, levando em conta o adversário. Será um início de temporada complicado, caso vá para a pré-Libertadores, e uma pressão muito grande para o Crespo assumir logo de cara", comentou.

Menon foi além e alfinetou o elenco são-paulino. "[Eles] Não têm respeito à instituição. Esses jogadores não merecem jogar uma Libertadores. É a maior competição da América, que todo jogador deveria lutar para estar dentro dela. A maioria não merece nem vestir a camisa do São Paulo", concluiu.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Futebol