PUBLICIDADE
Topo

Santos

Santos: Cuca elogia importância de Marinho, mas avisa: "Sendo bem marcado"

Cuca dá instruções a Marinho e Sánchez durante partida do Santos contra o Delfín, pela Libertadores - Rodrigo BUENDIA / AFP
Cuca dá instruções a Marinho e Sánchez durante partida do Santos contra o Delfín, pela Libertadores Imagem: Rodrigo BUENDIA / AFP

Eder Traskini

Colaboração para o UOL, em Santos

25/09/2020 01h52

O técnico Cuca, do Santos, elogiou o atacante Marinho após a vitória por 2 a 1 sobre o Delfín (EQU), na madrugada de hoje (25), no estádio Jocay, em Manta, no Equador, pela fase de grupos da Libertadores.

O camisa 11 marcou o primeiro gol da partida e lançou o atacante Raniel, que deu a assistência para Jean Mota decretar a vitória do Peixe.

"Marinho está sendo importantíssimo pra nós. Vem sendo bem marcado pelos adversários, que olham os vídeos dos jogos e veem que ele é importante. Temos variado ele de posição conforme a necessidade para ele poder jogar melhor. O Tite já falou que está observando, lógico que a concorrência é dura, mas ele está no radar e daqui a pouco quem sabe ele tem oportunidade", disse Cuca em entrevista coletiva virtual.

O treinador santista valorizou a vitória da equipe fora de casa, que encaminhou a vaga para a próxima fase. Um empate diante do Olimpia (PAR) na próxima rodada, no Paraguai, garante a classificação, mas lamentou a perda daquele que Cuca vê como um dos melhores da posição no Brasil.

"Importante é a vitória. Foi bem jogado dentro do possível, mas poderíamos ter matado, não precisávamos sofrer como sofremos na única chance do adversário no segundo tempo. Perdemos Veríssimo, que pra mim é um dos melhores jogadores brasileiros na posição, e temos um jogo decisivo contra o Olimpia", disse.

Além de Veríssimo, o Peixe também não poderá contar com Luan Peres pelo mesmo motivo: o terceiro cartão amarelo recebido pelo defensor. Sem Luiz Felipe, que ainda se recupera de lesão, o elenco do Peixe conta apenas com os jovens Wagner Leonardo e Alex - que já entrou hoje na vaga de Veríssimo após o zagueiro sair machucado.

Santos