PUBLICIDADE
Topo

Cruzeiro

Ceni diz que teria evitado descenso e revela que nunca recebeu do Cruzeiro

Técnico Rogério Ceni, ex-Cruzeiro, revela detalhes de sua passagem pelo clube no ano passado - Vinnicius Silva/Cruzeiro
Técnico Rogério Ceni, ex-Cruzeiro, revela detalhes de sua passagem pelo clube no ano passado Imagem: Vinnicius Silva/Cruzeiro

Do UOL, em Belo Horizonte

17/09/2020 19h21

Rogério Ceni é considerado por muitos o maior jogador da história do São Paulo. Como técnico, iniciou sua trajetória no clube paulista e atualmente é treinador do Fortaleza, onde conquistou os títulos da Série B do Campeonato Brasileiro, Copa do Nordeste e o Campeonato Cearense. Apesar de sua identificação com os clubes tricolores, a passagem de Rogério pelo Cruzeiro ganhou manchetes no cenário nacional.

Em entrevista ao Bola da Vez, programa da ESPN que vai ao ar neste sábado, às 23h (de Brasília), o ex-goleiro falou com detalhes sobre seu período na equipe mineira.

"Lamento muito não conseguir ajudar, mas uma coisa eu te digo: se eu tivesse ficado, com as mudanças que estavam sendo implementadas, o Cruzeiro não iria para a Série B. Isso eu garanto para você. Eu acho que o Cruzeiro conseguiria escapar da zona do rebaixamento. Eu digo: os maiores culpados, ou melhor, uma pessoa em especial é culpada, que foi quem dirigiu o clube, não os jogadores".

Rogério também falou sobre os problemas financeiros e administrativos do clube mineiro e revelou que nunca recebeu por seus serviços.

"Eu paguei para trabalhar no Cruzeiro, é bom esclarecer isso. Eu gastei muito dinheiro para ir para Minas e nunca recebi um centavo por um dia de trabalho até hoje. Nunca entrei na justiça contra ninguém, não gosto disso, mas isso é muito triste, não receber uma ligação sequer. Absolutamente nada. Eu fico triste porque é um grande clube, mas eu gastei dinheiro! Paguei rescisão contratual de onde eu morava, rescisão contratual de onde eu aluguei imóvel, mais transferência, carro", revelou.

Cruzeiro