PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Perfil de jogador acusado de racismo por Neymar é invadido por torcedores

Colaboração para o UOL, em São Paulo

13/09/2020 19h30

Classificação e Jogos

Acusado de racismo contra Neymar durante a derrota do Paris Saint-Gemain para o Olympique de Marselha por 1 a 0, o perfil do zagueiro Álvaro Gonzáles foi invadido por torcedores.

A postagem mais recente de Gonzáles no Instagram - sobre o jogo de hoje - ficou recheada de xingamentos e pedidos de respeito, como "racismo, não". Em seu Twitter, Neymar disse que seu único arrependimento foi não ter "dado na cara" do adversário.

"Quer dizer que você acha que pode mexer com o nosso menino Ney?", escreveu um. "Vai para o inferno", disse outro. "Não ao racismo", pediu um internauta. "Vamos denunciar a conta do Instagram dele por racismo", sugeriu outro. "Racismo é crime", alertou.

O caso aconteceu aos 5 minutos do primeiro tempo, o atacante Ángel Di María foi atingido pelo zagueiro espanhol Álvaro González, do time marselhês, que foi advertido. Neymar então foi em direção aos dois para defender o companheiro de time.

Em vídeo, é possível ouvir Neymar dizer "racismo, não" duas vezes em espanhol ao adversário. Segundo registros, González teria chamado o brasileiro de "macaco". A discussão também teria envolvido um auxiliar do português André Villas-Boas, técnico da equipe visitante.

Futebol