PUBLICIDADE
Topo

Palmeiras

Luxemburgo diz que Weverton 'acertou' em falha e pede time 'mais malandro'

Do UOL, em São Paulo

29/08/2020 22h11

Uma falha de Weverton foi responsável pelo gol sofrido nos acréscimos e empate por 1 a 1 do Palmeiras contra o Bahia na noite deste sábado (29). O técnico Vanderlei Luxemburgo, no entanto, poupou o goleiro após a partida.

O treinador avaliou que o camisa 1 fez a decisão certa na jogada. Ele deixou a meta após cruzamento, mas acabou socando a bola para o meio da área. Marco Antônio aproveitou e marcou aos 49 minutos do segundo tempo.

"Acho que o Weverton fez certo de sair, socou a bola. E a bola sobrou para um cara deles. É futebol, né? A equipe tem que estar de cabeça erguida, vamos ter um jogo importante em casa agora contra o Inter [na quarta-feira], e vamos nos preparar para esse jogo", disse.

Luxemburgo disse ainda que faltou o time ser "mais malandro" no fim da partida. Para o comandante, a equipe devia ter segurado a bola no setor ofensivo depois de ter aberto o placar com Zé Rafael — que encerrou jejum justamente contra o ex-clube.

"Depois do gol, faltou segurar um pouquinho mais a bola na frente. Tivemos a chance de fazer o segundo gol com o Zé Rafael e Luiz Adriano, mas faltou ser mais malandro, malandro entre aspas", destacou.

"O resultado acabou sendo justo. No segundo tempo, estivemos mais próximos do segundo gol do que eles do empate, mas acho que poderíamos ter segurado mais a bola na frente para o time sair de trás. Rifamos bolas desnecessárias, mas é levantar a cabeça e continuar", completou.

O empate no fim impediu o Palmeiras de assumir a vice-liderança do Campeonato Brasileiro. No momento, a equipe ocupa a sexta colocação, com nove pontos.

Na próxima rodada, o time de Luxemburgo volta a campo contra o Internacional, líder isolado da competição, no Allianz Parque. A partida será realizada na quarta-feira (2), às 21h30 (de Brasília)

Palmeiras