PUBLICIDADE
Topo

Campeonatos

La Liga


Sevilla e Betis pedem para torcedores ficarem em casa durante clássico

Estádio Ramón Sánchez Pizjuán, em Sevilha, receberá clássico com portões fechados - David Ramos/Getty Images
Estádio Ramón Sánchez Pizjuán, em Sevilha, receberá clássico com portões fechados Imagem: David Ramos/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

08/06/2020 12h15Atualizada em 08/06/2020 15h52

Com portões fechados, o clássico Sevilla x Betis vai marcar o reinício do Campeonato Espanhol após a paralisação devido à pandemia de coronavírus. O duelo acontecerá na próxima quinta-feira (11), às 17h (horário de Brasília).

Apesar de não permitir público no estádio Ramón Sánchez Pizjuán, as autoridades locais temem que torcedores possam se aglomerar em diversos pontos da cidade de Sevilha.

Diante do cenário incerto sobre a movimentação, os dois clubes pediram publicamente aos seus torcedores que fiquem em casa durante o clássico.

Nos últimos dias, o presidente do Sevilla, José Castro, afirmou que a "cidade mais futebolística da Espanha" deve estar "à altura" e solicitou que não aconteça qualquer tipo de aglomeração. "É algo que nos preocupa bastante", falou ele à imprensa local.

O técnico do clube, Julen Lopetegui, reforçou em entrevista coletiva a preocupação com a possível disseminação do vírus.

"Estamos cientes do significado desta primeira partida e peço para que os torcedores, neste caso, preparem coisas diferentes, respeitando os regulamentos de saúde. Vamos tentar fazê-los desfrutar da televisão em casa."

Já o Betis emitiu um comunicado em seu Twitter com a mesma finalidade. "Vencemos a partida do coronavírus juntos. Continue sendo responsável e cumpra todas as medidas de prevenção", iniciou o texto.

"Na quinta-feira, fique em casa e não vá ao hotel de concentração se despedir de nossos jogadores. Vamos evitar multidões", completou o Betis.