PUBLICIDADE
Topo

Futebol


Cruzeiro decepciona e perde em casa para o Coimbra no Campeonato Mineiro

Ramon, do Cruzeiro, em campo contra o Coimbra em jogo válido pelo campeonato Mineiro - Fernando Moreno/AGIF
Ramon, do Cruzeiro, em campo contra o Coimbra em jogo válido pelo campeonato Mineiro Imagem: Fernando Moreno/AGIF

Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

15/03/2020 17h54

Classificação e Jogos

O Cruzeiro não apresentou o futebol que se esperava na tarde de hoje (15) e perdeu por 1 a 0 para o Coimbra, em jogo válido pela nona rodada do Campeonato Mineiro. Vitor Hugo marcou o único gol da partida, disputada no Independência, em cobrança de falta.

Com o resultado, a Raposa fica com 14 pontos e segue fora da zona de classificação para as semifinais do torneio, na quinta posição. O Coimbra, por sua vez, conquistou a primeira vitória e foi a sete pontos, na décima colocação do Estadual.

O melhor: Diogo Giacomini

Em mais um jogo contra um gigante da capital mineira, Diogo Giacomini soube armar a equipe da melhor forma possível para buscar ao menos um ponto. Ele recuou o time, que saiu em contra-ataques para levar perigo à meta defendida por Fábio. Seus comandados tiveram uma boa atuação, mas falharam na pontaria em boa parte do jogo. A equipe marcou nos minutos finais em finalização de João Vitor.

O pior: Alexandre Jesus

Escalado como titular por Adilson Batista, o centroavante decepcionou. Ele foi escolhido pela comissão técnica para a vaga de Marcelo Moreno, poupado. Porém, o atacante não conseguiu fazer uma partida convincente diante do então vice-lanterna do Campeonato Mineiro. A atuação culminou em sua saída para a entrada de Jhonata Robert no intervalo.

Vitor Hugo conta com ajuda da barreira e marca

O Coimbra marcou o único gol do jogo aos 39 minutos do segundo tempo. O lateral direito Vitor Hugo cobrou falta da intermediária e contou com um desvio em Everton Felipe para enganar o goleiro e abrir o placar no Independência.

Sem Marcelo Moreno, Cruzeiro tem dificuldade

Marcelo Moreno ficou no banco de reservas por opção de Adilson Batista. Sem o boliviano, o time teve muitas dificuldades para chegar ao setor ofensivo. Nem o jovem Thiago, que tem feito bons jogos no início do ano, manteve o nível do dono da camisa 9. O mandante até tentou chegar com os homens de frente, mas as escolhas da comissão técnica deixaram a equipe mais frágil no setor ofensivo. Após a entrada do centroavante, no decorrer da etapa final, o time melhorou e finalizou seis vezes contra o gol adversário.

Giacomini opta por escalação fechada

Único time que ainda não havia vencido no Campeonato Mineiro, o Coimbra adotou uma formação defensiva diante do Cruzeiro. Liderada por Diogo Giacomini, a equipe de Contagem apostou em um esquema recuado, com saídas em contra-ataques. A ideia do ex-técnico atleticano surtiu efeito por boa parte do tempo. O visitante se fechou e saiu em velocidade, levando perigo ao gol adversário. O gol saiu em uma cobrança de falta.

FICHA TÉCNICA
CRUZEIRO 0 x 1 COIMBRA

Motivo: nona rodada do Campeonato Mineiro 2020
Local: Independência, em Belo Horizonte (MG)
Data: 15 de março de 2020 (domingo)
Horário: às 16h (de Brasília)
Árbitro: Wanderson Alves de Souza
Assistentes: Augusto Magno de Ramos e Rodney Faria Lima
Gol: Vitor Hugo - 39'/2ºT (0-1)
Cartão amarelo: Ariel Cabral, Thiago, Maurício, Jadsom, Marllon (Cruzeiro); Carciano, Diogo Henrique, Igor Formiga Paranhos (Coimbra)

CRUZEIRO
Fabio; Jadsom, Ramon, Marllon e Rafael Santos; Ariel Cabral, Jean (Judivan), Mauricio e Everton Felipe; Alezandre Jesus (Jhonata Robert) e Thiago (Marcelo Moreno). Técnico: Adilson Batista.

COIMBRA
Glaycon; Vitor Hugo (Igor Formiga), Carciano, Diogo Henrique e Hipólito; Thomas, Ralph, Igor Oliveira (João Vitor) e Paranhos; Daniel Penha e Ribeiro (Bádio). Técnico: Diogo Giacomini.

Futebol