PUBLICIDADE
Topo

Liga dos Campeões 2019/2020


Jornais espanhóis elogiam Vinícius Jr em críticas ao Real por derrota

Vinícius Júnior deu assistência para o gol de Isco na derrota do Real Madrid para o Manchester City pela ida das oitavas da Liga dos Campeões - Juan Medina/Reuters
Vinícius Júnior deu assistência para o gol de Isco na derrota do Real Madrid para o Manchester City pela ida das oitavas da Liga dos Campeões Imagem: Juan Medina/Reuters

Do UOL, em São Paulo

26/02/2020 19h29

Classificação e Jogos

O atacante Vinícius Júnior foi poupado das muitas críticas feitas por jornais espanhóis ao Real Madrid após a derrota, de virada, para o Manchester City pela ida das oitavas da Liga dos Campeões.

O brasileiro foi um dos poucos jogadores elogiados pelos veículos, sendo unanimidade entre eles que o brasileiro forneceu uma bela assistência ao gol de Isco, que abriu o placar no Santiago Bernabéu na tarde de hoje — o jogo terminou com a vitória do City por 2 a 1.

"Duro golpe de realidade"

O jornal Marca destacou, logo no título: "Dez minutos horríveis em que se pode perder uma Champions".

Com a chamada do site acusando "duro golpe de realidade", o veículo citou três acontecimentos do segundo tempo que ocorreram num intervalo de 10 minutos e modificaram os rumos (e o placar) da partida: o gol de Jesus, o pênalti de Carvajal em cima de Sterling e o cartão vermelho recebido por Sergio Ramos.

Apesar das críticas à postura da equipe, três atletas foram elogiados: Courtois, Isco e Vinícius Jr.

"A grande novidade entre os titulares foi a inclusão de Vinícius em um jogo de demanda absoluta, prêmio e reconhecimento por um jogador que passou por fases da temporada em que ele foi o último entre as preferências de Zidane. Com personalidade, sem pressa, Júnior acrescentou ataque ao pouco que o Madrid apresentou, sendo generoso também no auxílio à marcação", escreveu.

As: "O Madrid olha o abismo"

Já o As, um pouco mais sucinto, afirmou que o brasileiro foi o responsável por uma "bela assistência" a Isco.

"Isco deixou a equipe à frente após bela assistência de Vinícius Jr, mas polêmico gol de Gabriel Jesus, de cabeça, e de De Bruyne, de pênalti, complicam o elenco de Zidane", escreveu.

"O Madrid começa a dizer adeus à Champions"

Já o Mundo Deportivo, em crônica intitulada "O Madrid começa a dizer adeus à Champions", apontou Vinícius Jr. como "o único que criava chances no ataque e gerava medo no City."

"A partida foi um jogo do City diante de um Madrid que se apegava a Vinícius, o único capaz de criar perigo", afirmou o veículo.