PUBLICIDADE
Topo

Futebol


Coudet afirma que derrota no Gre-Nal foi dolorida: "O grupo merecia mais"

Eduardo Coudet recebeu críticas por tirar Moledo da equipe titular - Ricardo Duarte/Inter
Eduardo Coudet recebeu críticas por tirar Moledo da equipe titular Imagem: Ricardo Duarte/Inter

Do UOL, em São Paulo (SP)

15/02/2020 20h10

Classificação e Jogos

O técnico do Internacional Eduardo Coudet afirmou que a derrota para o Grêmio por 1 a 0, hoje (15), em pleno Beira-Rio foi dolorida. Em entrevista coletiva após o revés, o argentino ainda explicou o motivo da escolha de Bruno Fuchs no time titular no lugar de Rodrigo Moledo.

"É um clássico apaixonante (Gre-Nal), em casa. A dor fica por não dar a vitória aos torcedores. Os clássicos são diferentes. Rosario x Newell's, Boca x River, Racing x Independiente, San Lorenzo x Huracán. Hoje sinto dor porque acho que o grupo merecia mais", afirmou Coudet.

Para o duelo contra Renato Gaúcho, Coudet optou por promover a entrada do jovem zagueiro Fuchs no lugar de Moledo, titular incontestável por quase todos os técnicos que passaram pelo Inter desde sua chegada.

O comandante de 45 anos revelou que precisava de 'um passe de construção', já que todas as equipes por onde passou começavam as jogadas do setor defensivo. Fundamento que, em sua opinião, quem tem maior domínio é a prata da casa de 20 anos.

"Meus times normalmente normalmente buscam construir desde atrás. Sei que não é a principal característica do Moledo. Temos trabalhado isso. Me contrataram porque meus times jogam de uma maneira", disse.

"Entendo que precisávamos de um passe de construção. O Inter perdeu por uma bola aérea, mas poderia ser por baixo ou mesmo vencer com uma bola aérea", completou.

Agora, o Inter concentra suas atenções no duelo do meio da semana contra o Tolima, pela Copa Libertadores, na quarta-feira (19), na Colômbia.

Futebol