PUBLICIDADE
Topo

Cruzeiro notifica André Cury sobre cancelamento de cartas de exclusividade

André Cury se tornou "persona non grata" no Cruzeiro. Ele trava batalhas com o clube no mercado da bola - Marcus Leoni/Folhapress
André Cury se tornou 'persona non grata' no Cruzeiro. Ele trava batalhas com o clube no mercado da bola Imagem: Marcus Leoni/Folhapress

Enrico Bruno e Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

04/02/2020 16h52

Resumo da notícia

  • A briga entre Cruzeiro e André Cury, iniciada em janeiro de 2020 com as saídas de atletas agenciados por ele, parece longe de um desfecho
  • O clube notificou o empresário informando o cancelamento de todas as cartas de exclusividade concedidas a ele por gestões anteriores
  • A decisão foi tomada pelo Núcleo Dirigente Transitório. O departamento jurídico se encarregou de notificar o representante de atletas sobre o caso
  • No documento extrajudicial, o clube informa a revogação de todas as cartas concedidas ao agente. No entanto, não sabe o número exato de autorizações
  • Cury teve participação em negociações recentes do Cruzeiro. O dirigente foi quem conduziu a venda de Giorgian De Arrascaeta para o Flamengo

A briga entre Cruzeiro e André Cury parece longe de um desfecho. O clube notificou o empresário informando o cancelamento de todas as cartas de exclusividade concedidas a ele por gestões anteriores.

A decisão foi tomada pelo Núcleo Dirigente Transitório e contou com a anuência da diretoria de futebol, liderada por Ocimar Bolicenho. O departamento jurídico se encarregou de notificar o representante de atletas sobre o caso.

No documento extrajudicial, o clube informa a revogação de todas as cartas concedidas ao agente. No entanto, não se sabe o número exato de autorizações recebidas por Cury durante as gestões passadas, de Gilvan de Pinho Tavares e Wagner Pires de Sá.

André Cury teve participação em negociações recentes do Cruzeiro. O dirigente foi quem conduziu a venda de Giorgian De Arrascaeta para o Flamengo, por exemplo. Ele possuía carta de exclusividade em uma negociação com o uruguaio.

O mesmo empresário tinha carta de exclusividade para a saída de David, atualmente no Fortaleza. No entanto, como ele deixou o clube por meio de ação judicial, não foi necessária a utilização do documento que concederia exclusividade a ele.

Cruzeiro