Topo

Brasileirão - 2019


Paulão faz gol de bicicleta, e Fortaleza afunda Avaí na lanterna da Série A

Do UOL, em São Paulo (SP)

30/10/2019 21h25

O Fortaleza contou com um golaço de bicicleta de Paulão para afundar o Avaí na lanterna do Campeonato Brasileiro. Com o lance plástico, o oportunismo de Romarinho e a conhecida categoria de Wellington Paulista, o time comandado por Rogério Ceni derrotou os catarinenses pelo placar de 3 a 1, em plena Ressacada, e acumulou o terceiro jogo consecutivo de invencibilidade na competição.

O resultado positivo mantém a equipe nordestina na zona intermediária da tabela. Com 35 pontos, o clube tricolor se sustenta na região da classificação para a próxima Copa Sul-Americana. O Avaí, por outro lado, se encontra em situação complicadíssima: com apenas 17 pontos, os catarinenses ocupam a lanterna e estão próximos da queda à Série B.

A vitória do Fortaleza veio em forma de resposta. Depois de Paulão, ainda no primeiro tempo, abrir o placar, o Avaí igualou o marcador no início da segunda etapa. Entretanto, um minuto após sofrer o empate, os visitantes responderam em jogada coletiva e sacramentaram os três pontos com a finalização certeira de Romarinho —Wellington Paulista, de pênalti, fechou o marcador.

Na próxima rodada, o Fortaleza recebe o Atlético-MG no Castelão, sábado, a partir das 17h (de Brasília). O Avaí, em uma das últimas chances para começar a reação contra o rebaixamento, duela contra o Goiás no domingo, às 19h30, fora de casa, no fechamento da 30ª rodada da Série A.

Quem foi bem: Romarinho

Decisivo, o jogador do Fortaleza deu a vitória ao time cearense. Fora a resposta imediata à reação do Avaí com a finalização certeira, Romarinho se destacou pela movimentação e deu trabalho durante grande parte do jogo aos mandantes.

Quem foi mal: Leo

Leo sofreu com Romarinho e foi peça vulnerável no sistema defensivo do Fortaleza. Foi pela lateral direita que o time visitante criou boas jogadas de ataque e apresentou volume ofensivo. O jogador, inclusive, acabou substituído no intervalo para a entrada do meia Douglas.

Paulão pedala de novo

A vitória do Fortaleza teve início com um golaço. Paulão recebeu na área, ajeitou e preparou a própria bicicleta. O lance plástico, no entanto, não é novidade para o defensor. Em 2014, pelo Inter, o zagueiro decidiu o jogo com o Goiás desta mesma maneira.

Avaí sente a virada

O Avaí expos certo grau de nervosismo na primeira etapa. A pausa para o intervalo fortaleceu a equipe, que conseguiu empatar a partida com poucos minutos. Entretanto, a resposta imediata do Fortaleza abateu o lanterna do Brasileirão. Os catarinenses não conseguiram controlar o ritmo, mesmo com o veterano Douglas em campo, e sequer ameaçaram uma pressão no fim do confronto.

Fortaleza se mostra maduro

O time de Rogério Ceni administrou a vantagem com posse de bola e afastando o Avaí da própria área. A recompensa veio no fim. Kunde cometeu pênalti, e Wellington Paulista cobrou com categoria para assegurar três pontos importantíssimos. Na comemoração, o centroavante ainda reuniu os colegas para uma selfie.

Cronologia do jogo

O Fortaleza abriu o placar aos 22min, por puro mérito de Paulão. Após bola parada, o zagueiro dominou, levantou e virou uma bela bicicleta para fazer 1 a 0. A resposta do Avaí veio somente na segunda etapa. Aos 6min, Douglas deu passe açucarado para Vinícius Araújo igualar o marcador.

Segundos depois, no entanto, Romarinho recebeu passe e chutou firme para ampliar. O Fortaleza ainda ampliou aos 43min, com Wellington Paulista cobrando pênalti com categoria; no lance, Kunde recebeu o vermelho por cometer a infração.

FICHA TÉCNICA
AVAÍ 1 x 3 FORTALEZA

Local: Estádio da Ressacada, em Florianópolis (SC)
Data: 30 de outubro de 2019 (quarta-feira)
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza
Assistentes: Anderson José de Moraes Coelho e Bruno Salgado Rizo
Cartões Amarelos: Léo, Julinho, Eduardo Kunde, Jonathan e Luan Pereira (Avaí); Paulão (Fortaleza)
Cartão Vermelho: Eduardo Kunde (Avaí)

Gols:
AVAÍ: Vinícius Araújo, aos 6min do 2º tempo
FORTALEZA: Paulão, aos 22min do 1º tempo; Romarinho, aos 7min do 2º tempo; e Wellington Paulista (pênalti), aos 43min do 2º tempo

AVAÍ: Vladimir; Léo (Douglas), Kunde, Ricardo e Julinho; Luanderson, Richard Franco (Luan Pereira) e Wesley; Jonathan, Vinícius Araújo e Igor Goularte (Bruno Sávio).
Técnico: Evando.

FORTALEZA: Felipe Alves; Tinga, Quintero, Paulão e Bruno Melo; Araruna (Derley), Nenê Bonilha; Romarinho (Matheus Alessandro), Edinho (Kieza) e André Luís, Wellington Paulista.
Técnico: Rogério Ceni.