Topo

Santos deve denunciar Felipe Melo por ofensa à torcida durante clássico

Marinho, durante partida entre Santos e Palmeiras - Fernanda Luz/AGIF
Marinho, durante partida entre Santos e Palmeiras Imagem: Fernanda Luz/AGIF

Eder Traskini

Colaboração para o UOL, em Santos

10/10/2019 13h47

O Santos deve utilizar o vídeo que circula nas redes sociais para denunciar o volante Felipe Melo pela ofensa ao torcedor que compareceu ao clássico de ontem contra o Palmeiras, na Vila Belmiro. O jogador fez gestos obscenos para a torcida já dentro do túnel que dá acesso ao vestiário no intervalo da partida.

As ações do volante não constaram na súmula do jogo, mas o Peixe deve fazer uma notícia de infração para provocar a Procuradoria do STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) a apresentar denúncia sobre o fato.

O clube acredita que a situação se enquadra no artigo 243-F do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD): ofender alguém. A pena prevê multa que varia de R$ 100 a R$ 100 mil e suspensão entre uma e seis partidas.

O volante do Palmeiras teve que ouvir três vezes o estádio todo gritando que ele "afundou a seleção". Ao final do jogo, visivelmente irritado com os gritos de "olé" do torcedor, Felipe Melo encarou Jorge e, segundo o lateral, proferiu diversos xingamentos. Com os atletas do Palmeiras irritados, o árbitro preferiu não dar acréscimo na segunda etapa e terminou o jogo aos 45 minutos.

Na saída de campo, Felipe Melo voltou a ironizar a capacidade máxima da Vila Belmiro, o que já tinha feito em outra oportunidade, dizendo o estádio não podia ser um caldeirão com cinco mil pessoas.

"Ambiente? Tem 11 mil pessoas, pô! Em um clássico eles não conseguem encher o estádio, um clube mítico como esse aqui. Não tem condição de eu falar de uma torcida que...", disse Melo ao Esporte Interativo, fazendo gesto como se não estivesse escutando.

Nunca precisei usar o nome de Deus, diz Neto a Felipe Melo

Band Esportes

Santos