Topo

Ferraz pede permanência de Sampaoli, nega elenco rachado e valoriza caráter

Victor Ferraz concede entrevista coletiva no CT Rei Pelé, do Santos - UOL
Victor Ferraz concede entrevista coletiva no CT Rei Pelé, do Santos Imagem: UOL

Eder Traskini

Colaboração para o UOL, em Santos

04/10/2019 10h20

Resumo da notícia

  • Victor Ferraz negou rumores de que o elenco queria derrubar Jorge Sampaoli
  • O capitão do time criticou os "formadores de opinião" que veicularam tais boatos
  • Ferraz afirmou que seu caráter não permite que faça algo do tipo e, sendo capitão, isso não aconteceria sem que passasse por ele
  • O lateral elogiou Sampaoli e deixou claro que quer a permanência do argentino pelo maior tempo possível "pelo bem do Santos"

O lateral-direito Victor Ferraz está "fechado com Sampaoli". A campanha foi criada pelos torcedores nas redes sociais e é resgatada em momentos ruins do Santos no ano. Após vencer dois dos últimos nove jogos, a 'hashtag' voltou a aparecer quando surgiram boatos de que o elenco tentava derrubar o treinador argentino.

Capitão do time, Ferraz negou veementemente os boatos. O camisa 4 disse ser fã do argentino e pediu a permanência de Sampaoli o máximo de tempo possível para o bem do Santos. Ele não poupou críticas para quem veiculou tais rumores.

"De 10 dias para cá muitos torcedores questionaram, vi donos de página de Instagram, que é formador de opinião. Donos de páginas grandes formam opinião e devem ter responsabilidade. Falaram de existir jogadores insatisfeitos que querem derrubar o Sampaoli. Isso aí é de uma mediocridade gigante. Não sei como o cara cria um negócio desse. Eu sou o capitão, não há como algo ser feito sem passar por mim. Conheço cada canto desse CT. Vocês me acompanham há quase seis anos, podem discutir qualidade técnica, tática, marcar, cruzar, mas caráter nunca deixei a desejar. Nunca que me reuniria para tirar treinador A ou B, por mais horrível que fosse. Não faz parte do meu caráter. E tenho total admiração hoje (pelo Sampaoli), não é puxar saco, não preciso disso para nada. É necessário esclarecimento, ele tem minha total admiração. Por mim e pelo bem do Santos tem que ficar o maior tempo possível", disse Ferraz, ressaltando que a declaração não era um desabafo.

Após voltar a vencer diante do CSA, na Vila Belmiro, o Santos tenta retomar o melhor caminho e voltar a pontuar fora de casa neste sábado, quando visita o Vasco, em São Januário, amanhã, às 17h.

Caso vença a equipe carioca, o Peixe pode voltar ao topo da classificação dos visitantes nessa temporada do Brasileirão. O time de Jorge Sampaoli virou o turno do torneio na liderança, mas caiu para o terceiro lugar após uma sequência ruim.

Errata: o texto foi atualizado
Ao contrário do informado anteriormente, o Santos é o terceiro colocado do Brasileirão, e não o quarto. O erro foi corrigido.
ESPN, Ei PLus e Fox Sports

Assista aos jogos e programas de ESPN, EI Plus e Fox Sports sem TV a cabo.