Topo

Libertadores - 2019


Flamengo virou favorito após o empate em Porto Alegre? Blogueiros opinam

REUTERS/Diego Vara
Imagem: REUTERS/Diego Vara

Do UOL, em Santos (SP)

03/10/2019 12h50

Resumo da notícia

  • Grêmio e Flamengo empataram (1 a 1) o primeiro jogo da semi da Libertadores
  • Jogo de volta acontece 23 de outubro, no Maracanã. Há algum favorito?
  • "Decisão completamente indefinida", analisa o blogueiro Andrei Kampff
  • "Flamengo favoritaço! Assim como o Brasil contra a Itália em 82", diz Juca Kfouri

O empate por 1 a 1 na Arena Grêmio, na noite de ontem (2), pelo primeiro jogo da semifinal da Copa Libertadores, deixou o Flamengo a um empate sem gols da grande decisão. O jogo de volta acontece no dia 23 de outubro, no Maracanã.

Com a igualdade em Porto Alegre, o Flamengo chega para o segundo confronto como favorito? Fizemos essa pergunta aos blogueiros do UOL Esporte. Veja o que eles pensam:

ANDRÉ ROCHA

Virou favorito pelo resultado e porque não há como prever o futuro. Mas são 21 dias em que muita coisa pode mudar. A começar pelo desgaste acumulado dos titulares do Flamengo lutando pelo título brasileiro, com uma margem de manobra pequena no elenco para Jorge Jesus. Enquanto Renato Gaúcho seguirá priorizando o mata-mata e usando o Brasileiro para recondicionar jogadores e resgatar a confiança da equipe.

Jogo grande não merece desaforo e o time rubro-negro desperdiçou uma enorme oportunidade de sair da casa do adversário com a vaga para a final encaminhada. No Maracanã o cenário pode ser bem diferente. Ou o mesmo do Brasileiro de 1988 e da Copa do Brasil de 1997: empate em Porto Alegre e festa gremista no Rio de Janeiro.

Leia o blog do André Rocha.

ANDREI KAMPFF

Não. Flamengo dominou o jogo taticamente e poderia ter aberto em Porto Alegre uma boa vantagem. Grêmio numa noite horrorosa ainda garantiu um empate. Time gaúcho cresce fora, e Flamengo tem cansaço jogando contra. Decisão completamente indefinida.

Leia o blog Lei em Campo.

BENJA

O Flamengo já era favorito antes do jogo! Apesar de o Grêmio ter um time muito bom, mas o momento do Flamengo é melhor, assim como o time do 1 ao 11. O que pode atrapalhar talvez seja a distância de três semanas para a próxima partida, pois ambos podem ter algum jogador contundido nesse período de Brasileirão, é o Grêmio terá a vantagem de contar com Geromel e Maicon nesse jogo do dia 23.

Leia o blog do Benja.

BOLÍVIA

O Flamengo já era favorito mesmo antes do empate fora. O Grêmio jogou desfalcado e isso aumentou a diferença em campo. Mal viu a cor da bola no primeiro tempo e saiu da primeira partida aliviado por não ter perdido em casa. Já o Flamengo lamenta um dos impedimentos marcados pelo VAR, milimétrico e invisível a olho nu, mas confia no poder de resolver tudo no Maracanã.

Leia o blog do Bolívia.

JUCA KFOURI

Favoritaço! Assim como o Brasil contra a Itália em 1982.

Leia o blog do Juca.

MARCEL RIZZO

Pelo futebol apresentado, sim. Mas não que favorito queira dizer que esteja com a vaga na mão. Grêmio se porta bem fora de casa, terá jogadores que não estavam em campo na Arena e o regulamento do gol fora faz com que, marcando uma vez, obrigue o Flamengo a vencer o jogo. Mas o time de Renato terá que jogar muito mais bola.

Leia o blog do Marcel Rizzo.

MENON

Sim, aumentou muito o favoritismo. Não só pelo excelente resultado, mas principalmente pelo futebol apresentado.

Leia o blog do Menon.

PERRONE

Por jogar em casa e ter sido tão superior como visitante, o Flamengo pode ser visto como disparadamente favorito por muitos. Não faço parte dessa turma. Vejo apenas um pequeno favoritismo para o time de Jorge Jesus. Isso porque, mesmo jogando muito melhor não conseguiu bater o Grêmio no primeiro jogo. E porque a equipe de Renato Gaúcho não deve atuar duas vezes seguidas tão mal.

Leia o blog do Perrone.

PVC

É favorito. Mas a decisão lembra o que houve com Palmeiras x Santos, na final da Copa do Brasil de 2015.

Em três semanas, muitas coisas mudam. Lesão de De Arrascaeta, Gabriel na seleção, lesão de Filipe Luis. Um grande time também se mostra na adversidade. O Flamengo pode precisar superar algumas nestas três semanas.

Leia o blog do PVC.

RENATO MAURÍCIO PRADO

Pelo que foi o jogo, na Arena Gremista, o Flamengo é sim favorito à vaga, no Maracanã. Mas muitos fatores ainda podem modificar esse quadro. Põe exemplo: desfalques de jogadores importantes, como Filipe Luís, Gerson e Arrascaeta, que saíram machucados. E a volta de alguns titulares diz Grêmio, que não jogaram a primeira partida, como Geromel e Jean Pierre. Um clássico desse tamanho, numa semifinal de Libertadores é sempre imprevisível. O que não impede de dizer que o Flamengo voltou, sim, do Sul, com um leve favoritismo.

Leia o blog do Renato Maurício Prado.