Topo

Francês - 2019/2020


"Neymar cometeu erros", opina Leonardo ao encerrar assunto polêmico no PSG

GONZALO FUENTES / REUTERS
Imagem: GONZALO FUENTES / REUTERS

Do UOL, em São Paulo (SP)

16/09/2019 17h04

As polêmicas envolvendo o nome de Neymar estão encerradas no Paris Saint-Germain. Pelo menos é assim que Leonardo, diretor de futebol do clube francês, se refere ao jogador brasileiro, que voltou a atuar pela equipe no último fim de semana, em jogo pelo Campeonato Francês. O dirigente brasileiro quer enterrar o assunto, mas deixa claro a opinião sobre a postura do camisa 10 durante a janela de transferência do futebol europeu.

"Creio que chegou o momento de parar de falar de Neymar. Essa equipe precisa de calma e de serenidade. Acho que Neymar cometeu erros", afirmou Leonardo, em entrevista concedida à rádio RMC.

O dirigente também aproveitou a entrevista para fazer elogios ao atacante brasileiro, que admitiu publicamente o desejo de deixar o clube no último verão.

"Desde que o mercado fechou, Neymar foi com a seleção e jogou muito bem. O retorno foi muito positivo, ele se comportou muito bem. Neymar fez uma partida muito importante e que não foi nada fácil nas condições que ele viveu", acrescentou o tetracampeão mundial.

As condições citadas se deram por conta do comportamento dos torcedores, especialmente os organizados. Neymar teve o nome vaiado, acabou xingado e recebeu um tratamento hostil por parte dos 'ultras'.

Neymar saiu de campo, contudo, como o grande responsável pela vitória por 1 a 0 do PSG sobre o Strasbourg. Foi dele o gol de bicicleta que assegurou três pontos para a equipe no Parque dos Príncipes.

"Neymar jogou em silêncio e marcou um gol espetacular. Parece uma história de Hollywood. Ele se comunicou muito bem depois do jogo, de forma honesta, direta e humilde. Ele está muito concentrado no PSG, é um cara muito profissional, não é uma pessoa ruim. Neymar é acima de tudo um patrimônio do futebol, não só do PSG", completou Leonardo.