Topo

Em crise financeira, Botafogo espera proposta do Oriente Médio por Gatito

Gatito Fernández comemora gol do Botafogo em partida contra o Corinthians, em novembro de 2011 - Thiago Ribeiro/AGIF
Gatito Fernández comemora gol do Botafogo em partida contra o Corinthians, em novembro de 2011 Imagem: Thiago Ribeiro/AGIF

Bernardo Gentile

05/09/2019 04h00

O bom desempenho na Copa América deixou Gatito Fernández em evidência no mercado, o que fez a diretoria do Botafogo esperar uma proposta da Europa pelo goleiro. A janela de transferências para o Velho Continente foi fechada, a torcida alvinegra comemorou, mas a novela ainda não acabou. Pelo contrário. Clubes de Emirados Árabes e Qatar podem contratar reforços até 30 de setembro e viraram esperança do Glorioso. Em crise financeira, o clube vê uma venda com bons olhos e terá um mês decisivo pela frente.

O Botafogo espera uma proposta de 3 milhões de euros (R$ 13,6 milhões) para fechar negócio. O dinheiro seria utilizado para pagar salários atrasados de elenco e funcionários - a pendência completa dois meses amanhã. Pelo mesmo motivo, o clube já vendeu Matheus Fernandes, Igor Rabello, Leandro Carvalho, Glauber e Jonathan em 2019.

Para ler esta notícia na íntegra, além de outras novidades dos bastidores da bola, acesse a coluna De Primeira.