Topo

Teste de Rafael Sobis na vaga de Nico agrada e pode virar regra no Inter

Pedro H. Tesch/AGIF
Imagem: Pedro H. Tesch/AGIF

Do UOL, em Porto Alegre

12/08/2019 04h00

O Internacional testou diante do Corinthians uma nova formação ofensiva e, mesmo sem ter feitos gols, considera manter a novidade. A presença de Rafael Sobis na vaga de Nico López foi elogiada por Odair Hellmann, que depois voltou atrás e não confirmou a mudança para os próximos jogos. De toda forma, a troca é o expediente para dar mais poder de fogo ao time.

Nico perdeu lugar no time titular depois de chegar a 20 jogos sem fazer gols. Sobis, por outro lado, acumula sete assistências e cinco bolas na rede em 2019.

"A ideia do Sobis funcionou e funcionou bem. A decisão de continuidade ou não vem na sequência", disse Hellmann.

No decorrer do empate com o Corinthians, o time sentiu os efeitos (positivos e negativos) da modificação. Rafael Sobis fez o Internacional afunilar mais as jogadas, mas ao mesmo tempo se aproximou de Paolo Guerrero e sempre foi acompanhado de perto. Um sinal de cuidado do adversário aos chutes de média e longa distância, característica do camisa 23.

Outro sinal de que o teste pode se tornar escolha definitiva veio na etapa final. Nico López entrou na partida, mas na vaga de Rithely. Sobis continuou em campo até dar lugar a Wellington Silva. Ou seja, a substituição não foi direta. Com a saída de um e entrada de outro.

"Qualquer jogador para resgatar confiança precisa treinar, trabalhar, se dedicar. Confiança em todos, eu tenho, e não é só quando joga bem, quando faz gol. Eu acredito no Nico, na qualidade dele. No trabalho dele. Quando individualmente não estamos passando por um bom momento é preciso dar um passinho para trás. E isso pode significar dois para frente depois. Eu sou um cara que, como treinador, tenho a característica de procurar situações afirmativas para gerar confiança no coletivo e a individualidade ir bem. Mas quando precisar tomar decisão, tomo. O mais importante é a visualização do todo. Do coletivo. Se a gente tiver que fazer essa situação, de iniciar com o Sobis, vai acontecer", comentou Odair Hellmann.

Nico López foi artilheiro do Internacional em 2017 e 2018. Na atual temporada, passou de protagonista a coadjuvante desde a entrada de Paolo Guerrero, atual goleador do time com 11 gols marcados.

O Internacional volta a campo diante do Fortaleza, no sábado, pela 15 rodada do Brasileirão.

Internacional