PUBLICIDADE
Topo

Após susto em avião, Palmeiras chega a Mendoza para jogo da Libertadores

Alexandre Mattos, diretor de futebol do Palmeiras, relatou terror na viagem para a Argentina - Reprodução/TV Palmeiras
Alexandre Mattos, diretor de futebol do Palmeiras, relatou terror na viagem para a Argentina Imagem: Reprodução/TV Palmeiras

Do UOL, em São Paulo

22/07/2019 12h51

Depois de passar pelo que foi descrito pelos membros da delegação como um filme de terror dentro de um avião, o Palmeiras conseguiu chegar em Mendoza, na Argentina. O pouso foi confirmado pela assessoria de imprensa do time no início da tarde desta segunda-feira (22).

Às 16h de hoje, no clube Independiente Rivadavia, a equipe fará a sua primeira movimentação desde a derrota para o Ceará por 2 a 0 pelo Brasileirão, já de olho no jogo de amanhã, contra o Godoy Cruz, pelas oitavas de final da Libertadores.

Por causa dos problemas no voo com direito a duas arremetidas e mudança da cidade do pouso, o treino de domingo foi cancelado, prejudicando a programação do Palmeiras, que precisou passar um dia em Buenos Aires.

De acordo com o relato de Alexandre Mattos à TV Palmeiras, houve desespero dentro do avião. Ele afirmou que pessoas vomitaram, passaram mal e que outros rezaram de forma ininterrupta durante uma forte turbulência que balançou a aeronave fretada pelo Alviverde para fazer o deslocamento entre Fortaleza e a Argentina.

Depois de ficar 33 jogos do Brasileirão sem perder, o Palmeiras volta ao gramado tentando retomar a boa fase. Além da derrota para o Ceará, no sábado, os palmeirenses já tinham sido derrotados pelo Internacional na Copa do Brasil.

Palmeiras