Topo

Por que Palmeiras decidiu jogar Florida Cup após negar convites anteriores

Diretoria do Palmeiras decidiu aceitar convite para disputar a Florida Cup em 2020 - Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Diretoria do Palmeiras decidiu aceitar convite para disputar a Florida Cup em 2020 Imagem: Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Leandro Miranda

Do UOL, em São Paulo

18/06/2019 04h00

O anúncio do Palmeiras de que o time vai disputar pela primeira vez a Florida Cup em janeiro do ano que vem gerou muitas críticas de torcedores nas redes sociais. Muitos alviverdes não entenderam a decisão do clube de jogar o torneio de pré-temporada nos Estados Unidos, atacando pontos como o calendário apertado e a falta de importância da competição, que já teve cinco edições. Na visão da diretoria, porém, o evento passou por mudanças que justificam a escolha de participar.

O Palmeiras foi convidado constantemente para a Florida Cup em anos recentes e sempre recusou, tanto na gestão de Paulo Nobre como na de Maurício Galiotte. O tema sempre causou resistência interna. Desta vez, o clube alega que o cenário é diferente. Um dos pontos citados passa pelas datas previstas para os jogos, entre 15 e 19 de janeiro, quando o time já planejava fazer amistosos. Em edições anteriores, times brasileiros estrearam mais cedo, entre 10 e 11 de janeiro, o que foi visto como ruim para a preparação.

Outra justificativa usada é que o torneio, após enfrentar problemas no início, estaria mais desenvolvido em matéria de organização, estrutura e marketing. Nas primeiras edições, por exemplo, alguns jogos eram feitos em um complexo esportivo usado para jogos e treinamentos, enquanto nas mais recentes todas as partidas foram disputadas em estádios.

A experiência considerada positiva da excursão internacional realizada no meio do ano passado, quando o Palmeiras fez três amistosos na América Central durante a parada da Copa do Mundo, também pesou. A direção considera que viagens para fora do país são importantes para expor a marca do clube, valorizar o elenco e fortalecer o ambiente interno.

Neste mês, o clube também queria fazer uma viagem internacional, mas não encontrou adversários ativos durante a pausa da Copa América, e marcou apenas amistosos com Oeste e Guarani em São Paulo. Havia também a expectativa de participar de um torneio amistoso no Ceará, mas a prisão do ex-jogador Roni, cuja empresa organizava a competição, acabou causando o cancelamento do torneio.

Até o momento, apenas Palmeiras e Atlético Nacional, da Colômbia, estão confirmados na Florida Cup de 2020. Na edição deste ano, o vencedor do torneio amistoso foi o Flamengo.