PUBLICIDADE
Topo

Ceni contesta torcida do Fortaleza por vaias a atacante: "vamos dar força"

Rogério Ceni comanda o time do Fortaleza durante jogo - Divulgação/Fortaleza Esporte Clube
Rogério Ceni comanda o time do Fortaleza durante jogo Imagem: Divulgação/Fortaleza Esporte Clube

Do UOL, em Santos (SP)

08/03/2019 14h13

Rogério Ceni não gostou nada da manifestação da torcida do Fortaleza em relação a Romarinho. Os aficionados tricolores vaiaram o atacante no momento em que ele foi chamado pelo treinador para ir a campo no jogo da noite de ontem - que terminou com goleada por 4 a 0 sobre o Confiança, na Arena Castelão, pela Copa do Nordeste.

Romarinho substituiu Edinho aos 13 minutos do segundo tempo, quando o placar já marcava 3 a 0 a favor do Fortaleza. Mesmo assim, o atacante de 24 anos foi alvo das arquibancadas.

Em entrevista coletiva após a goleada, Rogério Ceni reclamou da atitude da torcida, saiu em defesa do jogador e disse não compreender o motivo das vaias.

"Ele é um jogador do Fortaleza. Todos estamos aqui de passagem. Não vejo motivo, com toda sinceridade. O Romarinho fez parte da campanha campeã da Série B. Só não entendo o que ele fez de errado, é jogador do Fortaleza, patrimônio do clube, foi comprado pelo Fortaleza", disse.

Para defender Romarinho, o técnico tricolor citou ainda a atual condição financeira do Fortaleza, que não pode fazer loucuras na hora de contratar algum reforço.

"Todos, qualquer um que eu colocar em campo, são meus jogadores e no final do ano fazemos uma análise. Se não for bem, pode ser vendido, emprestado, mas durante a temporada, comigo ou não, o torcedor tem que apoiar o jogador do time dele. O menino treina muito bem, treina com vontade e dedicação, não tem porque ter vaia durante o jogo. Ele precisa de um gol. Então durante o jogo vamos dar força para o atleta", afirmou.

"O Fortaleza não tem quatro milhões para comprar ninguém, o Fortaleza não tem euro também, pode esquecer. O Fortaleza consegue jogadores por empréstimo, oportunidade, um atleta que veio como ele, da Série D, é assim que fazemos. Todo mundo espera uma grande contratação, mas o que é uma grande contratação? Um jogador de 20 milhões? Não vai ter isso. Aqui vivemos para pagar em dia, que o clube faz um esforço desgraçado, e nós vivemos de oportunidades pontuais, então são esses que vão nos defender e sei que um cara desses, quando entrar, vai fazer o melhor pelo clube", acrescentou.

Romarinho foi contratado pelo Fortaleza na metade do ano passado, após se destacar pelo Globo-RN. Ele tem vínculo com o clube cearense até o fim de 2020 e ainda não balançou as redes - em 22 jogos disputados. Além do Globo-RN, acumula passagens por Fluminense, América-RN, ABC-RN e Força e Luz-RN.

Fortaleza