PUBLICIDADE
Topo
Comprar ingresso
Comprar ingresso

Corinthians

Carille confirma Gustagol fora do clássico e faz mistério sobre substituto

Fábio Carille dá instruções aos jogadores do Corinthians durante treino no CT Joaquim Grava - Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians
Fábio Carille dá instruções aos jogadores do Corinthians durante treino no CT Joaquim Grava Imagem: Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians

Flávio Latif e Samir Carvalho

Do UOL, em São Paulo (SP)

08/03/2019 11h55

O técnico Fábio Carille confirmou que o atacante Gustagol está vetado para o clássico do Corinthians contra o Santos, domingo, às 16h (de Brasília), em Itaquera, válido pela décima rodada do Campeonato Paulista. O camisa 19 sofre com dores no joelho esquerdo e será preservado. O substituto pode ser Mauro Boselli, mas o argentino ainda concorre com Vagner Love no setor.

"Gustavo está fora. Não sou de ficar lamentando. Trouxemos o Boselli, que está crescendo, tem o Love, que pode jogar no setor. Nada de lamentação e sim vamos dar moral para quem for para o jogo", afirmou Carille.

Outra dúvida de Carille é no meio-campo. O comandante corintiano cogita iniciar o clássico com Ramiro aberto do lado direito e Pedrinho centralizado no esquema 4-2-3-1. Neste caso, Sornoza seria deslocado para o lado esquerdo e brigaria por uma vaga com Clayson. Outra opção é manter o esquema 4-1-4-1, com Pedrinho e Clayson abertos pelos lados.

"Treinei três ou quatro situações com os mesmos jogadores, usando o Love como o camisa 9 e o Sornoza. Treinei no 4-2-3-1 porque se encaixa melhor na forma do Santos jogar. Chegamos bem cedo ontem, e vimos os vídeos dos treinos deles. Vou me reunir com a minha comissão técnica para definir isso. Vou definir se vamos no 4-1-4-1 ou no 4-2-3-1. O Ramiro pode tornar-se importante e posso utilizar o Pedrinho por dentro", explicou.

Já o sistema defensivo, incluindo os dois volantes, Ralf e Júnior Urso, está definido para encarar o Santos.

Carille priorizou o sistema defensivo em treino tático hoje pela manhã, no CT Joaquim Grava. O treinador fez um treinamento específico de posicionamento com a "linha de quatro" titular, formada por Fagner, Manoel, Henrique e Danilo Avelar.

O treinador também levou a linha defensiva reserva, formada por Michel Macedo, Pedro Henrique, Marllon e Carlos Augusto, para o treinamento de posicionamento.

Em seguida, Carille comandou o treino recreativo. Na atividade, o lateral-direito Fagner sentiu dores na virilha, mas continuou treinando e não deve ser problema para o clássico.

Jadson volta, mas fica no banco

Jadson treinou normalmente mais uma vez, mas deve ficar como opção no banco de reservas. A última vez que o camisa 10 entrou em campo foi na partida contra o Racing, no jogo de ida da Copa Sul-Americana. O jogador se recuperou durante as últimas semanas de dores em ambos os joelhos e estará entre os relacionados contra o Santos.

"Estará relacionado. Foi uma semana muito boa. Tivemos cuidados com ele, mas a questão é física, tecnicamente é muito refinado. Passou por fortalecimento, perdeu poucos treinos com a bola e estará em uma condição boa de jogar 25 ou 30 minutos", disse.

Desta forma, o Corinthians deve encarar o Santos com a seguinte formação: Cássio; Fagner, Manoel, Henrique e Danilo Avelar; Ralf, Júnior Urso e Sornoza; Pedrinho, Clayson (Ramiro) e Boselli (Vagner Love).

O Timão lidera o grupo C do Estadual com 14 pontos, um acima da Ferroviária e quatro sobre o Bragantino. Desta forma, uma vitória no clássico pode garantir a classificação antecipada às quartas de final caso a equipe de Bragança Paulista não vença na rodada.

Corinthians